Cruzeiro depende do Corinthians para definir situação de volantes

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Washington Alves/Light Press

    Willians terminou 2015 em alta, mas perdeu a titularidade e tem futuro indefinido

    Willians terminou 2015 em alta, mas perdeu a titularidade e tem futuro indefinido

A troca de Willians pelo garoto Marciel, inicialmente, foi vista com bons olhos nos lados do Cruzeiro e Corinthians. A princípio, o jogador que está prestes a completar 30 anos seria emprestado por toda esta temporada, mesmo período em que o garoto vestiria a camisa celeste. No entanto, a diretoria paulista passou a adotar maior cautela nos últimos dias e ainda não decidiu se vai mesmo querer fechar o acordo. Quem garante isso é o presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, que vai aguardar o retorno do Corinthians da Florida Cup (o time ainda joga nesta quarta-feira) para resolver a situação.

"Não evoluiu nada. Tomei conhecimento pela imprensa e nas redes sociais da revolta que gerou na torcida do Corinthians aquela transação envolvendo um atleta jovem (Marciel), que subiu recentemente da base. E aquilo fez com que o Corinthians se retraísse. Está paralisado. Vamos ver o que vai acontecer. O Corinthians está nos Estados Unidos. Acredito que, no retorno deles, tenhamos uma posição definitiva", comentou o presidente do Cruzeiro.

Após perder o volante Ralf, o Corinthians está à procura de um jogador marcador, com as características de Willians. No Cruzeiro, o atleta encerrou o ano de 2015 em alta com Mano Menezes, mas a atual mudança no esquema tático (Deivid utiliza apenas Ariel Cabral e Henrique como volantes) o deixou entre os reservas. A primeira investida corintiana era de ter o atleta por empréstimo de um ano, mas o Cruzeiro não aceitou negociar sem envolver outro jogador em troca, também por empréstimo, que seria Marciel.

Em relação ao colombiano Gustavo Cuéllar, a diretoria do Cruzeiro segue aguardando por uma definição. A novela envolvendo o jogador já dura mais de um mês e também não teve seu desfecho, positivo ou negativo.

O volante de 23 anos está emprestado pelo Deportivo Cali ao Junior Barranquilla, que tem a preferência de compra ao fim do contrato. A princípio, o clube iria adquirir 70% dos direitos econômicos e repassá-lo ao Cruzeiro por empréstimo. No entanto, as duas agremiações da Colômbia ainda não entraram em um acordo.

"É uma decisão que não depende da gente. Estamos com representante na Colômbia. Como há o interesse de dois clubes em jogo, eles disputam essa questão de percentual de atleta. Tive a notícia de que todos os dois estão querendo colocar o atleta no Cruzeiro. O atleta está impaciente para vir para o Cruzeiro. Ele é interessante e compensa a gente esperar um pouco mais".

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos