Diego Costa decide e Chelsea impede Arsenal de retomar ponta no Inglês

Do UOL, em São Paulo

Em recuperação no Campeonato Inglês, o Chelsea visitou o Arsenal neste domingo no clássico londrino e frustrou os planos do rival de assumir a liderança ao lado do Leicester City. Com um gol de Diego Costa ainda no primeiro tempo, venceu o duelo no Emirates Stadium por 1 a 0.

Com o revés, o Arsenal fica na terceira posição, com 44 pontos, a três do Leicester, que no sábado venceu o Stoke City por 3 a 0. Segundo colocado, o City também tem 44. Já o Cheslea, que chegou a sete jogos sem derrota, pula para o 13º posto, com 28.

Um lance muito polêmico na primeira etapa acabou tendo influência direta no resultado. Aos 18 minutos, Diego Costa ganhou na corrida de Metesacker e o alemão tentou acertar um carrinho por trás. Apesar de não ter atingido o espanhol em cheio, o defensor do Arsenal acabou expulso pelo árbitro Mark Clattenburg. Nas redes sociais, foram várias as críticas.

 

Para recompor a zaga, o técnico Arsene Wenger sacou o atacante Giroud e colocou o zagueiro Gabriel Paulista. Mas aos 23 minutos, Diego Costa apareceu dentro da pequena área para completar para o gol um belo cruzamento de Ivanovic.

Em desvantagem no marcador e com um a menos em campo, o Arsenal pouco conseguia fazer para ameaçar o goleiro Courtois.

No segundo tempo, os anfitriões tentaram aumentar a pressão e quase conseguiram chegar ao empate aos 19 minutos. Mas após um bate e rebate na área, a zaga do Chelsea conseguiu afastar. 

Com o fim do jogo se aproximando e sem criatividade para armar jogadas, o Arsenal partiu para o abafa, na base do desespero. Porém, não teve sucesso e completou a terceira partida consecutiva sem vitória no Inglês.

O Chelsea ainda teve algumas chances de ampliar o marcador em contra-ataques, mas perdeu muitas chances.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos