Para blogueiros, desafio do Palmeiras é juntar experientes e promessas

Do UOL, em São Paulo

  • Cesar Greco/Ag Palmeiras

O Palmeiras contratou oito reforços para 2016 e perdeu poucos atletas em relação ao time que foi campeão da Copa do Brasil em 2015. Agora o desafio é administrar o elenco grande com jogadores que chegaram e ainda nomes que vieram da base e fizeram uma boa temporada como Matheus Sales e Gabriel Jesus. É o que apontam os blogueiros do UOL Esporte André Rocha, PVC e Rafael Reis.

André Rocha analisa Palmeiras:

Uma dor de cabeça "boa" para Marcelo Oliveira:
Como retornar Gabriel com Jean, Arouca e a revelação Matheus Sales?

Uma dor de cabeça "ruim" para Marcelo Oliveira:
Como evitar o futebol de "bate-volta", sem posse de bola e controle do jogo?

Quem pode ser aproveitado da categoria de base?
Kaue, mesmo com o Palmeiras devendo na Copinha.

Qual jogador que deixou o time fará muita falta?
Não há, até porque as saídas foram por limitação técnica.

Cesar Greco / Agência Palmeiras/ Divulgação
Matheus Sales foi um dos destaques do Palmeiras em 2015

Rafael Reis analisa o Palmeiras:

Uma dor de cabeça "boa" para Marcelo Oliveira:
Com a contratação de Erik e as manutenções de Dudu e Gabriel Jesus, o Palmeiras tem hoje três atacantes com características semelhantes e futebol de titular. Mas, a não ser que Marcelo Oliveira altere taticamente o time, apenas dois vão jogar.

Uma dor de cabeça "ruim" para Marcelo Oliveira:
A lateral esquerda continua sendo o ponto fraco do elenco. Zé Roberto virou ídolo instantâneo da torcida e tem liderança e ótimo passe, mas já não aguenta correr atrás dos atacantes. Egídio e Victor Luís também são melhores no ataque que na defesa. Falta um lateral marcador, que não será contratado.

Quem pode ser aproveitado da categoria de base?
O ano é mais de consolidação do que surgimento de jovens valores. Matheus Sales e Gabriel Jesus têm tudo para se firmarem como grandes jogadores. A novidade deve ser Taylor, com boas chances de tomar de João Pedro o posto de primeiro reserva da lateral direita.

Qual jogador que deixou o time fará muita falta?
Jackson, o único titular da conquista da Copa do Brasil que não ficou no clube para 2016, estava longe de ser um zagueiro seguro e será substituído por Edu Dracena. Não deve ser uma ausência sentida. Bola para frente.
 

PVC analisa o Palmeiras: 

Uma dor de cabeça "boa" para Marcelo Oliveira:
Tem muitos jogadores do mesmo nível. Ganhou segurança na defesa com um parceiro para Vitor Hugo, Edu Dracena.

Uma dor de cabeça "ruim" para Marcelo Oliveira:
Administrar o elenco grande em que muitos não vão ficar felizes jogando pouco. Falta transformar o elenco em um time sólido e criativo. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos