Grêmio tem nova regra no time e nem goleiro pode dar chutão

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Alexandre Loureiro/Getty Images

    Marcelo Grohe recebeu instrução para sair jogando com os pés e evitar chutão

    Marcelo Grohe recebeu instrução para sair jogando com os pés e evitar chutão

O Grêmio segue tentando encontrar soluções dentro dele mesmo para ir mais longe em 2016. Depois de liberar os volantes para finalizar a gol com mais frequência, Roger Machado aplicou outra instrução no time: eliminar, progressivamente, os chutões. Nem o goleiro Marcelo Grohe escapa da orientação.

Contra o Danubio ficou claro. Ao receber um passe de Kadu, Grohe se adiantou para perto da linha da grande área. Ficou com a bola por alguns segundos e sem ver opção de passe, chamou o time. Maicon se apresentou, mas não deu. O chute para frente foi usado. A cena foi única no amistoso do último sábado e deve se tornar artigo raro mesmo.

"Um dos objetivos para o ano é esse, melhorar a saída de bola, inclusive comigo. Às vezes é necessário o recuo para o goleiro e eu ter a percepção é importante. Vamos trabalhar muito para dar certo. Claro que ninguém vai fazer loucura, mas temos qualidade para sair jogando", disse Marcelo Grohe.

O pedido é chamado de 'short distribution' (distribuição curta na tradução literal) e faz parte de um princípio de jogo que pretende aumentar a posse de bola e melhorar a construção ofensiva das jogadas.

Um dos argumentos que pode explicar a nova instrução está nos números. Segundo o site WhoScored, Marcelo Grohe foi o 37º colocado na lista de goleiros do Brasileirão de 2015 no quesito acerto em lançamentos longos com os pés.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos