C. Ronaldo custou mais que o declarado e volta a ser mais caro do mundo

DO UOL, em São Paulo

O atacante português Cristiano Ronaldo custou mais caro do que foi divulgado pelo Real Madrid em 2009, segundo divulga o jornal Marca nesta quarta-feira. Com isso, de acordo com a publicação, ele seria o jogador mais caro da história do futebol, superando o companheiro Gareth Bale.

Com dados obtidos no Football Leaks, o jornal mostra que Ronaldo teria custado aos cofres do Real Madrid 104,7 milhões de euros (R$ 460,52 milhões) e não os 97 milhões de euros (R$ 426 milhões) que foram oficialmente divulgados.

Esse valor faria com que Ronaldo voltasse a ultrapassar Bale. O galês também teve o valor real da sua transferência divulgado nesta semana. Mas, esse seria de 99,7 milhões de euros (R$ 438 milhões).

Segundo a publicação, o Real Madrid desembolsou 25 milhões de euros de seus cofres para contar com o português. O restante da quantia veio de financiamentos com o banco Santander e Cajamadrid. Os impostos seriam os responsáveis por elevar o valor da transferência em quase 8 milhões de euros.

Manchester United e Real Madrid ainda teriam feito um acordo de confidencialidade em que se negariam a falar sobre o assunto e se fossem questionados, negariam o acordo para evitar sanções da Uefa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos