Oportunidades perdidas e ansiedade. Victor analisa derrota do Atlético-MG

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

Depois de duas vitórias na Flórida Cup, nenhum do torcedor do Atlético-MG espera menos do que um novo triunfo nesta quarta-feira, sobre o Flamengo, na abertura da Primeira Liga. No entanto, depois de um bom primeiro tempo, o time alvinegro teve uma atuação muito abaixo na etapa final e acabou derrotado por 2 a 0.

E foi justamente esse período de domínio do Atlético, com chances criadas e não aproveitadas que o goleiro Victor lamentou. Na opinião do goleiro alvinegro essa foi a grande diferença, já que o Flamengo foi melhor na etapa final e aproveitou bem as chances que teve, ambas com Paolo Guerrero.

"Foram dois tempos distintos. No primeiro tempo o Atlético teve o domínio da partida e não conseguiu fazer os gols. No segundo tempo o Flamengo foi eficiente nas poucas oportunidades que teve. Essa foi a grande diferença no jogo", analisou o camisa 1 do Atlético.

Além de não aproveitar as chances no primeiro tempo, o Atlético pouco jogou na etapa final. Para Victor, reflexo do que aconteceu nos 45 minutos iniciais. O goleiro alvinegro sentiu a equipe mais ansiosa em campo e por isso cometendo muitos mais erros do que o normal.

"Talvez um pouco de ansiedade atrapalhou. Fizemos um grande primeiro tempo e a bola não entrou, isso pesou no segundo tempo. Mas independentemente do resultado, não faltou luta e não faltou entrega para a nossa equipe. Mas infelizmente não fomos eficientes nas oportunidades que tivemos".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos