Pé quente e carrasco, argentino será o criador do Atlético contra o Fla

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Argentino será o armador do Atlético e costuma se dar bem contra o Flamengo

    Argentino será o armador do Atlético e costuma se dar bem contra o Flamengo

A temporada 2016 vai começar agora. O jogo é para um torneio novo, mas o adversário é um velho conhecido de boa parte do elenco do Atlético-MG.

Mas para um deles o confronto contra o Flamengo, pela Primeira Liga, sempre carrega boas lembranças. Nos últimos jogos de 'freguesia' carioca, Dátolo sempre esteve presente e fez bonito contra o rival.

Desde que Dátolo chegou ao Atlético, em agosto de 2013, o clube mineiro realizou sete jogos contra o Flamengo, dos quais o argentino entrou em campo em seis ocasiões, perdendo as duas primeiras e vencendo as quatro últimas. E nos quatro triunfos que teve, o jogador não passou despercebido em nenhum deles, sempre terminando os compromissos como um dos destaques, marcando quatro gols, oferecendo seis assistências e participando de goleadas históricas.

O último encontro entre Atlético e Flamengo ocorreu no Brasileirão passado, com vitória mineira por 4 a 1 no Horto. Dátolo deu três assistências e ainda marcou um golaço, com drible desconcertante em Pará e finalização de fora da área. No primeiro turno, no Maracanã, o argentino fez o cruzamento que gerou o primeiro gol na vitória por 2 a 0, marcando por Samir, contra.

"Foi um grande jogo, tive a sorte de converter os gols. Foi muito importante para mim e para o time todo. Agora é diferente, o time deles é outro, também temos jogadores novos, acho que vai ser um grande jogo", disse.

Na temporada de 2014, outras duas vitórias memoráveis para o meia. Na 35ª rodada do Brasileirão, Dátolo deu duas assistências e participou de outro gol na goleada por 4 a 0. Antes disso, o meia também estaria presente e balançando as redes na virada heroica por 4 a 1 na Copa do Brasil, que garantiu uma vaga na finalíssima contra o Cruzeiro.

Nesta quarta, Dátolo estará novamente em campo. Após ser escalado como lateral, ponta, meia e volante, o meia inicia o ano como titular de Aguirre e na faixa central do gramado, posição preferida do argentino.

"Sempre manifestei que sou meia armador. Jogo no meio, me sinto melhor, posso fazer várias funções, mas é melhor jogando pelo meio. Tomara que posso jogar vários jogos nessa posição esse ano e possa continuar crescendo, dando alegrias ao torcedor", disse.

Sem poder utilizar os reforços nesta estreia da Primeira Liga, o time que o Atlético vai entrar em campo contra o Flamengo, no Mineirão, será formado com: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Dátolo, Patric e Giovanni Augusto; Lucas Pratto.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos