SP estreia no Paulista com reforço, mas admite: é teste para Libertadores

Guilherme Palenzuela

Do UOL, em São Paulo

O São Paulo estreia no Paulistão neste sábado (30), às 19h30, contra o Red Bull Brasil, mas já pensando em analisar aquilo que estará certo e errado no time para abordar da melhor forma o jogo que mais importa: Cesar Vallejo, na próxima quarta-feira (3), no Peru, pela primeira fase da Copa Libertadores. Quem confirma isso é o próprio Edgardo Bauza, treinador são-paulino, que deixou o mantra de "pensar apenas no próximo jogo" em entrevista coletiva na última sexta-feira.

"O jogo é muito importante. É o início oficial, vai jogar a equipe com a qual já trabalhamos durante essas três semanas. Será um teste muito importante para a primeira fase da Libertadores", falou.

A partida deste sábado acontece em Campinas, no Moisés Lucarelli, com mando do Red Bull. No primeiro teste, que também será a estreia oficial do treinador argentino, o São Paulo já usará o primeiro reforço do ano como titular: o lateral esquerdo Eugênio Mena, emprestado até o fim do ano pelo Cruzeiro.

O resto da equipe, além da óbvia ausência de Rogério Ceni, substituído pelo sucessor natural Denis, terá duas novidades em relação ao time de 2015: Breno como zagueiro – no ano passado só atuou como volante ao voltar ao futebol – e Centurión como titular. Para Bauza, ter Centurión como titular é a chance de recuperar o futebol que o compatriota pouco apresentou em 2015.

"Acho que ele teve momentos bons. Não manteve, mas teve bons momentos. Preciso recuperar dele, no meu critério, a potência. É um jogador ágil, rápido, que pode fazer a diferença no mano a mano. Confio nele, falei muito com ele", disse o treinador.

A equipe para estreia, então, terá, no 4-2-3-1: Denis; Bruno, Rodrigo Caio, Breno e Mena; Hudson e Thiago Mendes; Michel Bastos, Paulo Henrique Ganso e Centurión; Alan Kardec.

Também não deverá haver mudanças para o jogo contra o Cesar Vallejo. Edgardo Bauza treinou a mesma equipe desde o primeiro treino tático do ano – a única mudança foi a troca de Carlinhos por Mena no segundo treino. Nos testes feitos, nenhum gol sofrido e três vitórias em três jogos, ainda que sem brilho: 2 a 0 contra o Juventus, 1 a 0 contra o Cerro Porteño e 1 a 0 contra o Boa Esporte.

Mesmo com o jogo contra o Red Bull Brasil pela frente, Edgardo Bauza já mostra conhecer completamente o segundo adversário do ano. O técnico argentino sabe até dizer quais foram as mudanças no elenco do Cesar Vallejo desde o fim de 2015.

"Vamos enfrentar uma equipe relativamente nova no futebol peruano. Mas estão preparados para essa possiblidade. Contrataram quatro ou cinco jogadores, vão deixar tudo em campo. Vai ser difícil, ganharam um amistoso recentemente. Vão nos pressionar. Paulista vai ser um bom teste".

Depois de enfrentar o Red Bull, o São Paulo embarca na tarde de terça-feira para Trujillo, no Peru, onde jogará na quarta-feira à noite. O jogo de volta pela primeira fase da Copa Libertadores acontece no dia 10 de fevereiro. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos