Jornal revela quanto Damião deixou de ganhar no Betis: R$ 14 milhões ao ano

Do UOL, em São Paulo

  • Marca/Reprodução

    Leandro Damião esteve na Espanha para exames

    Leandro Damião esteve na Espanha para exames

O jornal espanhol Marca revelou os valores da transação frustrada entre Leandro Damião e Betis. O brasileiro ficaria 18 meses no clube espanhol, que pagaria, pelo menos, 3,25 milhões de euros (R$ 14,1 milhões) ao jogador. O atacante ainda teria possibilidade de ganhar ainda mais.

Os R$ 14,1 milhões o Betis pagaria a Damião de salário anual sem contar o valor da transferência para o Santos. O Marca ressalta que o time brasileiro não receberia nada desse valor.

A publicação ainda revelou que o acordo incluía a produtividade de Damião. Se o jogador disputasse pelo menos 40 partidas como titular ou se conseguisse marcar mais de 20 gols, receberia entre 500 mil e 550 mil euros a mais (mais de R$ 2 milhões) , que seriam pagos a partir de julho de 2017. 

Ainda haveria um acréscimo se os números do jogador melhorassem ainda mais. Se Damião entrasse em campo como titular por pelo menos 45 vezes, superando 30 gols, a quantidade acima seria de 700 mil euros (R$ 3 milhões).

A negociação terminou sem acordo na última segunda (01), último dia de transferências na Espanha.

O atacante chegou à Espanha no início da semana passada e já havia passado por exames clínicos no Betis. O veto do Conselho do clube foi mais um golpe para Damião e seus agentes, que haviam conseguido liberação da Justiça brasileira para assinar vínculo empregatício na Europa.

Com o desfecho do caso de Leandro Damião, o jogador volta ao Santos, mas o time não pagará o salário do atleta pelos próximos 18 meses, conforme definição da justiça, como explicou o Blog do Boleiro nesta terça. 

Na semana passada, Santos e Leandro Damião, entraram em um acordo após reunião no Tribunal Superior do Trabalho (TST), em Brasília.

Conforme ficou acordado, o Santos se comprometeu a pagar o valor de R$ 4,5 milhões, referentes a verbas trabalhistas (salários e direito de imagem) em atraso com o atleta, divididas em 40 parcelas de R$ 112,5 mil, considerando o primeiro pagamento já a partir do próximo mês de março.

Com a desistência do Betis, o atacante e o Santos terão de rediscutir um ponto acertado na Justiça. As duas partes (jogador e Santos) haviam combinado que pelos próximos 18 meses os salários seriam pagos pelo Betis, o que não ocorrerá mais. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos