Santos explica venda de promessa para o Atlético de Madri

Do UOL, em São Paulo

  • Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC

    Caio Henrique deixou o alvinegro praiano rumo ao Atlético de Madri

    Caio Henrique deixou o alvinegro praiano rumo ao Atlético de Madri

O Santos se pronunciou nesta terça-feira (02) sobre a polêmica negociação envolvendo o meia Caio, de 18 anos, para o Atlético de Madri.

Segundo comunicado oficial emitido pelo alvinegro praiano, o clube tentou diversas vezes renovar o contrato do atleta, mas não conseguiu chegar a um acordo. Com isso, optou por negociar o jogador com o Atlético de Madri, pois seu contrato terminaria em 31 de julho deste ano e Caio deixaria a Vila Belmiro de graça.

Desta forma, o clube evitou prejuízo com um atleta que foi formado nas categorias e base e ainda poderá lucrar 5% de uma futura negociação envolvendo o jogador.

Nascido em 1997, a promessa quase deixou o Santos em 2015, mas a negociação com a Valencia, também da Espanha, não foi para frente. Caio Henrique disputou a última Copa São Paulo de Futebol Júnior pelo time alvinegro, que parou na terceira fase.

Nas redes sociais, o meia – que chegou à Vila Belmiro aos dez anos de idade – agradeceu o Santos por tudo que o clube lhe proporcionou na carreira.

"É um momento diferente e difícil para mim. Hoje quero agradecer ao Santos Futebol Clube e me despedir dessa instituição que me abriu as portas. Cheguei aqui pequeno, dediquei 8 anos da minha vida e sou grato a Deus por ter me dado o privilégio de vestir a camisa do Peixe", disse.

"Saio de cabeça erguida e muito motivado para mais um passo em minha carreira. Muito obrigado a todos aqueles que sempre torceram por mim e me ensinaram coisas boas. Levo muitos amigos no coração", completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos