Suárez faz 4, Messi, 3 e Barcelona massacra Valencia; Neymar perde pênalti

Do UOL, em São Paulo

O Barcelona deu show no jogo de ida da semifinal da Copa do Rei, nesta quarta-feira (3), no Camp Nou. Em uma noite inspirada do trio de ataque sensação da temporada, o time do técnico Luis Enrique venceu o Valencia por 7 a 0, com quatro gols de Suárez e três de Messi.

Terceiro elemento do trio, Neymar deu duas assistências, mas teve como ponto negativo o pênalti perdido nos acréscimos do primeiro tempo.

Com a vitória, o Barcelona abre uma vantagem gigante para o jogo de volta. Agora, o Valencia precisará vencer por oito gols de diferença para conseguir a classificação para a final da Copa do Rei. A segunda partida acontecerá na próxima quarta-feira (10).

Na outra semifinal, Celta de Vigo e Sevilla começam a decidir nesta quinta-feira (4) quem disputará a final da Copa do Rei.

O jogo

O cronômetro marcava 12 minutos do primeiro tempo e já dava para ver que seria um passeio do Barcelona. Nesse momento, a equipe catalã já havia balançado as redes em duas oportunidades, ambas com Suárez. Aos 7 e aos 12 minutos, o uruguaio balançou as redes após toques de Neymar e Vidal, respectivamente.

Aos 29 minutos da primeira etapa, foi a vez de Messi marcar, com participação dos outros dois membros do trio de ataque. Iniesta carregou pelo meio e achou Neymar, que rapidamente tocou de letra. Suárez saiu da frente da bola, que sobrou para Messi aparecer na cara do goleiro Mat Ryan e balançar as redes.

Próximo do fim do primeiro tempo, veio o pênalti perdido por Neymar. Messi fez belo domínio após lançamento de Busquets e foi derrubado por Mustafi, que acabou sendo expulso. Na cobrança, o brasileiro não tomou distância da bola e chutou na trave de Mat Ryan. Esse foi o terceiro pênalti perdido pelo atacante na temporada.

No segundo tempo, o Barcelona continuou no mesmo ritmo e teve quatro boas chances antes de voltar a balançar as redes. E o gol veio mais uma vez com Messi. Suárez tocou de letra para o argentino dentro da área, que deixou dois defensores no chão e chutou rasteiro para fazer o quarto.

A situação do Valencia poderia ficar menos pior aos 24 minutos, mas o árbitro anulou o gol marcado por Rodrigo. Cheryshev avançou pela esquerda e cruzou rasteiro para o brasileiro naturalizado espanhol balançar as redes. O atacante, no entanto, estava em posição irregular e o tento foi invalidado.

E o Barcelona voltou a balançar as redes cinco minutos mais tarde. A defesa do Valencia se atrapalhou para afastar a bola, Messi roubou e chutou forte para marcar pela terceira vez na partida.

Perto do final da partida, Suárez se igualou a Messi no número de gols feitos na partida. Aos 38 minutos, o uruguaio aproveitou cruzamento de Adriano e cabeceou para o fundo das redes de Mat Ryan.

Mas a noite de Suárez não tinha acabado. Aos 42 minutos, Arda Turan cruzou e o uruguaio mandou de primeira para fazer seu quarto gol na partida.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos