Ex-dono dos direitos de Neymar detona pai do atacante: 'Me traiu'

Do UOL, em São Paulo

  • EFE/Kiko Huesca

    Representante do fundo DIS acusa Neymar Santos de ocultar negociação com o Barcelona

    Representante do fundo DIS acusa Neymar Santos de ocultar negociação com o Barcelona

Antigo detentor de parte dos direitos econômicos de Neymar, o empresário Delcir Sonda, que representa o fundo DIS, criticou duramente a conduta de Neymar Santos, pai do atacante. Em entrevista ao jornal Marca, Delcir acusa o pai do jogador de ocultar negociação com o Barcelona, em 2011, quando Neymar se preparava para representar o Santos na final contra o time catalão, pelo Mundial de Clubes.

O fundo DIS tinha direito a 40% dos direitos de Neymar. Delcir Sonda alega que Neymar Santos quis comprar a parte que pertencia ao fundo enquanto agia nos bastidores para transferir o filho sem o aval de Santos e do DIS.

"O pior foi saber que em 2011 o Santos tinha que jogar com o Barcelona no Japão e ele já havia firmado pré-contrato com o Barcelona. Me senti traído moralmente e economicamente. Eu tinha direito a 40% de seus direitos e jamais fui chamado pelo pai do Neymar [para negociar com o Barça]. É uma indignação enorme. Ele me traiu".

Neymar se transferiu oficialmente para o Barcelona no meio de 2013. Mas as Justiças brasileira e espanhola levantaram documentos que comprovam o depósito de 10 milhões de euros do Barcelona em uma das contas da família do atacante, em novembro de 2011. Outros 30 milhões foram depositados em 2012 e 2013.

A família de Neymar não tinha nenhum por cento de direito na transação. A defesa de Neymar e do pai alega que o valor recebido foi a título de direitos de imagem e comissões. O Santos respondia por 55%, e a Teísa por 5%.

"O pai já tinha vendido o jogador em 2011 e depois tentou comprar os meus 40% por 4 milhões de euros. Foi um absurdo, porque ele me ofereceu 4 sendo que o Neymar já valia 60 milhões de euros no mercado. E quando eu falava com o pai do Neymar, ele me dizia que quando se investe na Bolsa você pode ganhar ou perder, e sua resposta era que 'eu já havia ganhado muito'", prosseguiu Delcir.

O fundo de investimento DIS moveu processo na Justiça da Espanha contra Neymar, o pai, e os dirigentes do Barcelona. No processo, a empresa alega que Barcelona, Neymar e Santos tramaram operação para camuflar os valores reais da transferência do atacante para o Barça, em 2013.

No primeiro comunicado pós acerto, o Barcelona alegou que a venda tinha girado em 17,1 milhões de euros. Meses depois, o clube catalão admitiu que as cifras superaram 85 milhões de euros.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos