Jogador mata árbitro após levar cartão vermelho na Argentina

Do UOL, em São Paulo

O árbitro Cesar Flores, 48, foi morto no gramado logo após mostrar o cartão vermelho a um jogador durante partida de bairro realizada em Córdoba, na Argentina. A polícia argentina confirmou que ele levou 3 tiros, na cabeça, pescoço e peito, e morreu no local no domingo.

Segundo relatos, o jogador nome do jogador ainda não foi divulgado. Ele deixou o gramado após ser expulso, pegou a arma e voltou ao campo para atirar no árbitro e no jogador Walter Zarate, de 25 anos, que foi alvejado no peito. Os investigadores, no entanto, sabem o nome do autor dos disparos, que ainda não foi preso. 

"Tudo aconteceu durante a partida. Não sabemos o que aconteceu com o árbitro (motivo para os disparos), mas o jogador estava muito bravo com ele", disse a polícia argentina em um pronunciamento. O atirador fugiu e ainda não foi encontrado pela polícia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos