Afastado, zagueiro rebate presidente do Bahia e sugere debate na TV

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/Bahia

    Zagueiro Gabriel Valongo vem treinando separado do elenco do Bahia

    Zagueiro Gabriel Valongo vem treinando separado do elenco do Bahia

Gabriel Valongo não gostou nada das críticas que recebeu do presidente Marcelo Sant'Ana. Na última quarta-feira, o mandatário tricolor, através do Twitter, respondeu perguntas de internautas e falou sobre o afastamento do zagueiro. Entre algumas frases, disse que o jogador estava acima do peso e que ele fez duas partidas péssimas com a camisa do Bahia.

Ainda afastado e treinando separado do elenco tricolor, Gabriel Valongo, através de sua assessoria de imprensa, publicou uma resposta para o presidente e sugeriu uma conversa 'olho no olho' para resolver a situação, ou até mesmo um debate na TV. Ele disse ainda que há tempos vem tentando uma reunião com Marcelo Sant'Ana, mas não consegue.

Veja a resposta de Gabriel Valongo na íntegra:

"Fico muito chateado pela forma como o presidente do Bahia, Marcelo Sant'Ana, vem tratando minha situação. Através das redes sociais e somente nelas o presidente coloca informações sem o contexto. Desde que estou no Bahia posso garantir à Nação tricolor que de minha parte nunca faltou dedicação e vontade para trabalhar e conseguir resultados tão esperados pela torcida. Já ouvi dizer que ele falou que não me importei pelo não acesso do clube e até fiz pouco caso da situação. Se é que falou isso é uma enorme mentira. Quem é o jogador que não quer vencer, que não quer ganhar, que não quer conquistas, que não quer títulos? 

Lamento o que vem acontecendo sobre todos os aspectos. Estou sendo muito prejudicado profissionalmente e, se hoje estou acima do peso, é que desde janeiro estou afastado pelo presidente Marcelo Sant'Ana. Em virtude disso não posso trabalhar no ritmo dos demais atletas. 

Por várias vezes solicitei aos diretores uma reunião com o presidente. Sempre recebi a negativa nessas tentativas que fiz. Gostaria de sentar com ele e olho no olho entender porque me trata desta forma e tem tanta raiva de mim. Sou homem, sei que também tenho meus defeitos, mas não é justo o tipo de tratamento que estou recebendo. 

O presidente fala através das redes sociais e fica me empurrando uma série de situações sem defesa. 

Prefiro conversar com ele nem que seja através de um debate, em qualquer emissora, a qualquer hora. Assim, frente a frente cada um vai expor a sua verdade".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos