Ex-bandeirinha Ana Paula e ex-jogadores integram Comitê de Reformas da CBF

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Eduardo Knapp/Folha Imagem

    Ana Paula Oliveira (foto) compõe lista dos 17 integrantes de novo comitê da CBF

    Ana Paula Oliveira (foto) compõe lista dos 17 integrantes de novo comitê da CBF

A Confederação Brasileira de Futebol lança nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro, seu Comitê de Reformas. O órgão, inspirado no Comitê de Ética da Fifa, pretende fortalecer questões de transparência na entidade máxima do futebol brasileiro.

Segundo a própria CBF, o comitê é formado por 17 membros e tem como principal tarefa "aprimorar suas práticas corporativas e fortalecer os conceitos de modernidade, transparência e ética dentro dos mecanismos que movimentam o esporte mais popular do Brasil".

Dentre os principais nomes que integram o comitê, está o da ex-auxiliar de arbitragem Ana Paula de Oliveira. Ex-jogadores, como Ricardo Rocha, Carlos Alberto Torres e Edmílson, bem como o técnico Carlos Alberto Parreira, integram a relação do comitê. Secretário-geral da entidade, Walter Feldman foi eleito o primeiro o presidente do órgão, durante reunião inaugural desta quinta.

"O Comitê de Reformas é uma iniciativa inédita na América do Sul e adotará os mais modernos conceitos na busca de soluções para a gestão do futebol brasileiro. Entre os temas que estarão sob a sua atuação, estão a reforma do Estatuto da CBF, a implementação do Código de Ética e do Comitê Disciplinar do Futebol Brasileiro, licenciamento de clubes, calendário, responsabilidade social, futebol feminino e categorias de base", anuncia a CBF em seu site oficial.

Rafael Ribeiro/CBF
Ex-jogadores e dirigentes participam da criação de Comitê de Reformas da CBF

Em comunicado distribuído à imprensa presente ao local, a CBF ainda informou que os membros do novo comitê que não estejam nos quadros da Confederação serão remunerados "de acordo com a média dos valores aplicados pelo mercado". Ainda segundo a entidade, "as melhores práticas de governança preconizam que os membros independentes dos órgãos colegiados sejam remunerados". 

Dentre os presidente de clubes, apenas dois nomes foram confirmados: Carlos Eduardo Pereira (Botafogo) e Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco (São Paulo)

Confira a lista de integrantes do Comitê de Reformas da CBF:

Álvaro Melo (advogado, doutor em Direito Desportivo)
Ana Paula de Oliveira (ex-auxiliar de arbitragem, diretora-secretária da Escola Nacional de Arbitragem de Futebol)
André Ramos Tavares (advogado, doutor em Direito do Estado)
Caio César Vieira Rocha (presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva)
Carlos Alberto Torres (ex-jogador de futebol, campeão mundial pela seleção brasileira em 1970)
Carlos Alberto Parreira (treinador, campeão mundial pela seleção brasileira em 1994)
Carlos Augusto de Barros e Silva (presidente do São Paulo Futebol Clube)
Carlos Eduardo Pereira (presidente do Botafogo de Futebol e Regatas)
Castellar Modesto Guimarães Neto (presidente da Federação Mineira de Futebol)
Ednaldo Rodrigues Gomes (presidente da Federação Bahiana de Futebol)
José Edmílson Gomes de Moraes, "Edmílson" (ex-jogador de futebol, campeão mundial pela seleção brasileira em 2002)
Leomar Quintanilha (presidente da Federação Tocantinense de Futebol)
Luiz Felipe Santoro (advogado, especialista em Administração Esportiva)
Miraildes Maciel Mota, "Formiga" (jogadora da seleção brasileira feminina)
Ricardo Roberto Barreto da Rocha, "Ricardo Rocha" (ex-jogador de futebol, campeão mundial pela seleção brasileira em 1994)
Rogerio Langanke Caboclo (diretor executivo de gestão e diretor de planejamento estratégico e financeiro da CBF)
Walter Feldman (secretário geral da CBF)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos