Vice do SP ataca assessor e Abílio. Decisão sobre Globo deve sair na terça

Do UOL, em São Paulo

  • Flavio Florido/UOL

    Abílio Diniz disse que vice Ataíde Gil Guerreiro não entende de futebol

    Abílio Diniz disse que vice Ataíde Gil Guerreiro não entende de futebol

O vice-presidente de futebol do São Paulo, Ataíde Gil Guerreiro, criticou duramente em entrevista à Rádio Transamérica as declarações do assessor da presidência do clube, Rodrigo Gaspar, que criticou publicamente jogadores em seu Twitter.

O dirigente também falou de outros assuntos polêmicos no clube, como o "racha" entre o presidente Leco e o empresário e conselheiro Abílio Diniz, a decisão de assinar com a Globo ou o Esporte Interativo pelos direitos de transmissão do Brasileirão e as críticas a atletas como Lucão, Ganso e Centurión. Confira:

Críticas a assessor por declarações no Twitter

"Um assessor da presidência não tem o direito de expor nossos atletas da maneira como expôs. Ele errou redondamente, não poderia falar desse jeito. Como pode falar que Milton Cruz é erva daninha, ele tem 20 anos no São Paulo, já nos tirou de situações difíceis, é trabalhador".

"Ele que fale as opiniões dele no reduto familiar dele. Também não aceito falar que Rodrigo Caio é jogador de condomínio. Ele é um dos grandes jogadores do futebol nacional, titular da seleção na Olimpíada e não merece ser tratado dessa maneira".

"Se ele (Gaspar) fica ou não, é decisão do presidente Leco. Eu estou dando a minha opinião".

Resposta a Abílio Diniz

"O Abílio merece todo o respeito, como qualquer outro torcedor. Ele não é do corpo diretivo do São Paulo, mas pelo respeito que tem na imprensa e no meio empresarial, acaba tendo possibilidade de expor suas opiniões, até em reuniões do conselho deliberativo".

"Mas ele tem feito críticas indevidas, inclusive a mim, dizendo que não entendo de futebol. Qual é a experiência do Abílio Diniz dentro do futebol? Ele é um grande empresário, mas o que fez no futebol? Então ele não tem o direito de falar assim comigo, ele tem que se comportar como torcedor e ajudar o São Paulo na medida do possível".

Defendendo jogadores criticados

"Lucão é um grande jogador, um dos que eu mais respeito no elenco. Tenho certeza de que no futuro crescerá muito, e como sempre esteve nas seleções de base, também estará na seleção principal do Brasil. Foi infeliz em dois jogos e ficou em uma situação ruim, mas vai se recuperar e nos ajudar muito".

"Outro que não admito reclamação é o Ganso. É um craque, já decidiu várias partidas para nós. O desempenho dele, se você for ver, é um dos que mais corre dentro do São Paulo, mas sempre tem grande parte da imprensa e do público em geral criticando o trabalho dele. Ele é um grande craque e o São Paulo precisa dele".

"Também fiquei muito triste com a declaração do assessor a respeito do Centurión. Ele era um cracaço quando fomos buscá-lo na Argentina. Aqui ele tem tido partidas não condizentes com o que o público espera, mas o Patón (o técnico Edgardo Bauza) diz que ele cumpre taticamente uma posição muito importante, porque ele vai atrás, defende, ajuda. Na hora em que ele acertar as finalizações que tem errado, ele se recupera com nossa torcida".

Disputa entre Globo e Esporte Interativo pelos direitos do Brasileiro

"O São Paulo não decidiu ainda, mas quando tomar uma decisão, garanto que não receberá empréstimo, será dinheiro de luvas. Não sabemos se assinamos com a Globo ou o Esporte Interativo. Existe um pré-contrato aprovado com a Globo, que só poderá entrar em vigor quando for aprovado pelo conselho deliberativo".

"Ao conselho, vou expor na terça-feira a situação do Esporte Interativo, a situação da Globo, e nós vamos definir o que é melhor para o São Paulo".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos