Na calçada da fama, Léo revela que desistiu de jogo de despedida no Santos

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Samir Carvalho/UOL Esporte

    Léo foi homenageado na calçada da fama do Museu Rei Pelé, na cidade de Santos

    Léo foi homenageado na calçada da fama do Museu Rei Pelé, na cidade de Santos

O lateral-esquerdo Léo, atleta que mais conquistou títulos com a camisa do Santos após a Era Pelé, foi homenageado na calçada da fama do Museu Rei Pelé nesta terça-feira. O ex-camisa 3 recebeu a homenagem ao lado de mais seis ídolos do clube paulista - Juary, Mengálvio, Coutinho, Pepe, Dorval e Lima.

Após a homenagem, Léo surpreendeu ao revelar que não espera receber as mesmas honras do Santos. O atleta, inclusive, disse que praticamente desistiu do jogo de despedida que tanto sonhava com a camisa santista. A ideia do ex-lateral era realizar uma partida contra o Benfica e se despedir ao lado de Elano, quando o meia definir o fim de sua carreira.

"Praticamente sim (desistiu da despedida), minha despedida já foi, em toda minha carreira, o que eu fiz, vai ficar na memória do torcedor", afirmou Léo.

"Não (espera uma homenagem do Santos no mesmo patamar). Vai fazer dois anos que parei, não me preocupo com isso. O que me deixa tranquilo, feliz, é que seja em Santos, São Paulo, Belo Horizonte, eu recebo o carinho do torcedor comigo. Isso não tem preço e nada vai pagar", completou.

Léo declarou que participará da despedida de Elano. O meia renovou contrato com o Santos até dezembro deste ano e deve fazer o jogo festivo na próxima temporada.

"Passou (despedida do Léo). Vou participar da despedida do Elano, não sei quando vai ser. Quando ele parar eu irei participar da homenagem dele. O meu passou, faz dois anos já. O Elano está em tempo ainda", disse.

Léo não confirmou publicamente, mas o UOL Esporte apurou que o lateral está magoado com alguns dirigentes do Santos. O ídolo santista, inclusive, não participa mais da "vida política" do clube paulista.

Além de Léo e do "ataque dos sonhos" do Santos, em parceria com o Museu Pelé, o projeto Foot Frame já homenageou outros nomes do futebol brasileiro. Entre eles, Pelé, Garrincha, Ronaldinho Gaúcho, Cafu, Roberto Carlos, Denilson, Elano e Ricardo Oliveira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos