Maradona detona Platini e Blatter: "deveriam receber prisão perpétua"

Do UOL, em São Paulo

  • AP Photo/Christophe Ena

Diego Maradona é um conhecido crítico de Michel Platini e Joseph Blatter, que cumprem suspensão por corrupção na Fifa. No dia em que a maior entidade do futebol elegeu um novo presidente, Gianni Infantino, o argentino detonou Platini e Blatter. 

"Me parece que o Comitê de Ética da Fifa se equivocou (sobre diminuir a suspensão dos dois)", disse Maradona à TV Reuters.

"Tendo tantas provas contra essa gente e tantos anos que eles roubam, deveriam ser condenados à prisão perpétua. Os dois", disse Maradona.

O comitê de recurso da Fifa confirmou na última quarta a suspensão de Joseph Blatter e de Michel Platini, por violações de ética, mas a reduziu de oito para seis anos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos