Atletas do Palmeiras cobram mudança por vitória contra o Rosario Central

Do UOL, em São Paulo

O Palmeiras ia garantindo um empate contra a Ferroviária até os 48 minutos do segundo tempo, quando Rafinha aproveitou lançamento de Rodolfo e bateu na saída de Fernando Prass, decretando a vitória do time do interior paulista.

Na saída de campo, Robinho desabafou sobre o resultado negativo e pediu que a equipe mude de postura para conquistar a vitória contra o Rosario Central, quinta-feira, pela Libertadores da América.

"Horrível, né? Não tem muito o que falar. Faltou finalizar. No segundo tempo ficamos com a bola, mas infelizmente a vitória não veio. Agora é aproveitar e descansar para Libertadores. Tem que recuperar, não adianta ficar lamentando. Tem que recuperar para quinta-feira vencer. Marcelo conversou, pediu pra gente marcar. Eles têm um passe bom, o que dificultou um pouco. Temos que entender que no Campeonato Paulista tem que vencer, ficar perdendo em casa assim é complicado. Agora é descansar e pensar na quinta-feira", declarou o meio-campista.

Outro jogador do Palmeiras a falar na saída do gramado foi o atacante Cristaldo, que deixou o banco de reservas para marcar o único gol dos mandantes na partida. Na visão do argentino, a derrota deve ficar para trás e a equipe deve virar a chave para a Libertadores da América. 

"Quinta feira temos um jogo muito importante. Acontece, a gente estava saindo buscando o jogo, tentando o resultado, e infelizmente num contra-ataque eles conseguiram fazer o gol. Temos que seguir na luta e mudar a atitude para quinta-feira", relatou o atacante. 

Alecsandro, atacante titular neste domingo, ainda avaliou que o time "não conseguiu nem marcar tão bem e nem marcar tão bem", mas agradeceu à torcida pelo apoio durante os 90 minutos.  

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos