Um mês após perder Sadia, CBF amplia patrocínio com a Chevrolet

Do UOL, em São Paulo

  • Rafael Ribeiro/CBF

    Coordenador Gilmar Rinaldi e técnico Dunga mostram nova camisa de treino

    Coordenador Gilmar Rinaldi e técnico Dunga mostram nova camisa de treino

Exatamente um mês depois de perder o patrocínio da Sadia, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou nesta segunda-feira que ampliou sua parceria com a Chevrolet. A montadora agora estampará sua marca nas costas da camisa de treino da seleção - antes, ocupava o calção.

Ao site da CBF, o diretor de marketing da entidade, Gilberto Ratto, disse que "desde o primeiro contato a Chevrolet já tinha o desejo de estar na camisa", e que as negociações começaram assim que foi aberta a oportunidade com a saída da Sadia.

A confederação também informou que o contrato com a Chevrolet, do grupo General Motors, vale pelos próximos dois anos. O novo patrocinador já terá sua marca na camisa de treino da seleção nos próximos jogos das Eliminatórias, contra Uruguai e Paraguai, em 25 e 29 de março.

Leo Correa/MowaPress
Sadia estampava as costas da camisa de treino, que agora será espaço da Chevrolet

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos