Diretor do Corinthians aumenta multa de atletas para evitar assédio chinês

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

    Eduardo Ferreira diz que aumentar multa inibe, mas não acaba com chance de saída de atletas

    Eduardo Ferreira diz que aumentar multa inibe, mas não acaba com chance de saída de atletas

O Corinthians foi o clube mais afetado pela movimentação do mercado chinês na última janela de transferências. Após perder jogadores importantes da campanha do título brasileiro, o clube está se resguardando para futuras negociações.

Em entrevista ao "Seleção Sportv", Eduardo Ferreira, diretor de futebol  do clube, afirmou que as multas rescisórias dos novos jogadores contratados já estão mais altas para tentar evitar o assédio dos clubes com maior poder aquisitivo.

"Alguns jogadores do elenco têm muitas mais altas, outras menores, já ocorria isso. Estamos atentos a isso, aumentando a parte de multa, mas é bom frisar que, em um momento, quando chegam as propostas milionárias da China, não existe multa que você consiga segurar o jogador. É complicado dizer para o atleta para não garantir a vida dele e ficar. Tem que entender o lado do atleta e do ser humano, como às vezes o atleta tem que ver o lado do clube. Estamos nos preocupando sim com a multa, mas não é uma garantia. É algo a mais, melhora, mas não é garantia nenhuma", declarou o dirigente.

De acordo com o dirigente, o clube tentou se reforçar na janela de transferências de acordo com os jogadores que foram saindo para outros clubes. Ferreira ressalta que as contratações foram pontuais e pediu paciência aos torcedores para que o time encaixe melhor e passe a apresentar um futebol mais convincente. E dentre esta proposta de reformulação está o atacante Lucca, que negocia sua permanência no clube alvinegro.

"O Lucca nós estamos conversando, esperamos que possa vir a sair daqui umas semanas, que role um ponto positivo para contratarmos o atleta em definitivo. Mas não dá pra falar se está perto ou longe (de acertar a aquisição)", finalizou Ferreira. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos