Fellype Gabriel e "esquecidos" Luan e Taylor: Veja encostados no Palmeiras

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

  • Cesar Greco/Ag Palmeiras

    Luan defendeu o Palmeiras em 114 partidas, entre agosto de 2010 e fevereiro de 2013

    Luan defendeu o Palmeiras em 114 partidas, entre agosto de 2010 e fevereiro de 2013

O Palmeiras contratou 25 jogadores na última temporada e manteve a tendência ao trazer oito novos atletas para o elenco do técnico Marcelo Oliveira em 2016. Hoje, o grupo palmeirense conta com 38 nomes. Nem todos, porém, terão a chance de entrar em campo nas próximas semanas.

Sete jogadores do elenco não estão inscritos no Campeonato Paulista, tampouco na Libertadores: o atacante Luan, os meias Fellype Gabriel e Jobson, o lateral Lucas Taylor, além dos goleiros Jailson e Anderson. O jovem zagueiro Augusto, que passou a treinar com o time principal depois da Copa São Paulo, completa o grupo (o Palmeiras confirmou o empréstimo de Jobson nesta terça-feira, depois do fechamento do texto).

Por pouco o volante Rodrigo não integrou essa lista. O recém-contratado ficou fora da lista de 28 atletas do Campeonato Paulista, mas acabou incluído na relação de 30 da Libertadores no último dia -- o jogador substituiu o lesionado Moisés, que fraturou o pé esquerdo e deve voltar ao time daqui a pouco mais de três meses.

Os casos de Fellype Gabriel, Luan e Jailson estão ligados a lesões. Os dois primeiros lutam para voltar aos treinos desde a pré-temporada. O goleiro, por sua vez, está na fase final da recuperação e deve voltar aos treinos com bola em breve.

O meia, que entrou em campo apenas uma vez desde maio passado, sofreu uma entorse no tornozelo ainda em dezembro. Há cerca de dez dias, pouco depois de Marcelo Oliveira fechar a lista da Libertadores, Fellype passou por uma artroscopia no joelho.

Luan se recupera no clube alviverde de uma lesão no pé esquerdo desde o fim de 2014. Em setembro, foi reintegrado ao elenco depois de empréstimos ao Al Sharjah, dos Emirados Árabes, e ao Cruzeiro.

O Palmeiras, então, prolongou o contrato de Luan, de agosto de 2016 para dezembro de 2017. De acordo com o empresário do atleta, Giuliano Aranda, o jogador, em um primeiro momento, deve ser aproveitado no time. Ele, porém, não descarta uma nova negociação até o fim do vínculo.

Lucas Taylor foi levado ao time profissional na temporada passada e segue treinando com o grupo. O lateral chegou a jogar alguns minutos da segunda final contra o Santos na Copa do Brasil, mas viu Marcelo Oliveira incluir dois jogadores para o lado direito (Lucas e João Pedro).

Chances

Alguns jogadores do elenco palmeirense foram escolhidos para apenas uma das competições. Um deles é Cleiton Xavier. O meia, que está na fase final de recuperação de uma lesão muscular na panturrilha, ficou fora do estadual, mas terá a chance de disputar a Libertadores desde o início.

O zagueiro Leandro Almeida fez o caminho inverso. Contestado pela torcida após a falha contra o São Bento, o jogador foi substituído por Nathan. Já o lateral esquerdo Victor Luis virou a terceira opção para o setor na Libertadores, depois de Marcelo escolher apenas Zé Roberto e Egídio para o Paulistão.  

Possibilidade de mudanças

O Palmeiras terá a oportunidade de mudar alguns nomes das duas listas. O regulamento do estadual permite a troca de quatro jogadores a partir das quartas de final, marcada para o dia 17 de abril.

Na Libertadores, existem mais possibilidades: a Conmebol prevê até três alterações antes das oitavas de final. Na semifinal, os times poderão realizar cinco mudanças no elenco.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos