Empresário abre o jogo sobre Tevez: "Precisa estar bem para não ir embora"

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / ALEJANDRO PAGNI

    Carlos Tevez não está satisfeito com as críticas recebidas no Boca Juniors

    Carlos Tevez não está satisfeito com as críticas recebidas no Boca Juniors

A situação de Tevez no Boca Juniors não está como o atacante imaginava quando optou por deixar o futebol europeu e voltar para o clube que o revelou.

Em entrevista ao jornal argentino Olé, o empresário do jogador, Adrián Ruocco, pediu que os torcedores tentem dar "carinho" ao atacante, que está sofrendo com as críticas desde que retornou ao clube argentino.

"O desgaste físico e mental que teve no ano passado não foi gratuito, deixou uma fratura. Carlos chegou muito feliz ao país, sua cara era outra. Mas agora nós precisamos desmentir rumores toda semana: que se separou, que brigou com Orion (goleiro do Boca)... sempre tem que sair para dar explicações. Faz oito meses que temos que dar declarações todo instante", explicou o empresário.

Ainda de acordo com Ruocco, Tevez sabe lidar com este tipo de situação, mas é algo que vai minando a motivação de entrar em campo e continuar vivendo no país. O empresário ainda salienta que o atacante tem mais dois ou três anos de carreira, que poderiam ser aproveitados em outros países para evitar essa situação.

"Eu tento fazer Tevez voltar a se sentir cômodo e ser feliz. Ele sabe lidar com este tipo de situação, mas todos os dias aparece algo novo que vai te limando. Para ir para a China ou Arábia ainda há tempo. Acho importante que ele volte a desfrutar de jogar. Faltam que algumas coisas comecem a sair. Temos que acompanha-lo para que ele se sinta bem e não queira sair em junho", concluiu Ruocco. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos