CPI do Futebol consegue quebra de sigilos de Comitê Organizador da Copa

Do UOL, em São Paulo

  • Alan Marques/Folhapress

    Romário é o presidente da CPI do Futebol

    Romário é o presidente da CPI do Futebol

O senador Romário (PSB-RJ) anunciou nesta quinta-feira que a CPI do Futebol, da qual ele é o presidente, conseguiu acesso aos sigilos bancário e fiscal do Comitê Organizador Local (COL) da Copa do Mundo de 2014, realizada no Brasil.

O Supremo Tribunal Federal (STF) tornou sem efeito uma medida cautelar que impedia o acesso da CPI aos sigilos. Agora, a comissão parlamentar poderá ver demonstrativos dos lucros relacionados à Copa no período de 1º de janeiro de 2008 até 12 de março de 2015.

O COL havia entrado com uma liminar contrária à quebra de sigilo em dezembro, mas o ministro Celso de Mello revogou a decisão por considerar o pedido da CPI "adequadamente fundamentado".

A CPI do Futebol foi instalada em julho de 2015 para investigar irregularidades relacionadas ao esporte no Brasil.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos