Santos não quer Thiago Ribeiro de volta e já busca interessados no atacante

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/Santos FC

    Atacante está emprestado ao Atlético-MG até junho deste ano e deve voltar ao Santos

    Atacante está emprestado ao Atlético-MG até junho deste ano e deve voltar ao Santos

A volta do atacante Thiago Ribeiro já preocupa a diretoria do Santos. O atleta está emprestado até junho ao Atlético-MG e, como não agradou em Belo Horizonte, terá que retornar ao clube paulista. Os dirigentes santistas já buscam opções no mercado do futebol para o atleta, que tem contrato até o fim de 2017.

Isso porque o salário do jogador ultrapassa o teto salarial do Santos. Thiago Ribeiro, inclusive, ganha quase R$ 100 mil mensais a mais que o centroavante Ricardo Oliveira, capitão santista e artilheiro do Campeonato Paulista e do Campeonato Brasileiro do ano passado.

A diretoria santista quer evitar mais problemas com o elenco. No ano passado, o clube contratou o argentino Ledesma com salário de R$ 200 mil mensais e causou insatisfação entre os jogadores.

Por conta disso, a diretoria santista espera "alinhar" a venda do jogador ou um novo empréstimo. Fluminense e Botafogo seriam algumas opções, mas não houve nenhuma proposta oficial até o momento. A chegada de Levir Culpi ao Flu pode esquentar o negócio, já que o treinador o colocou em uma possível lista de reforços.

Os agentes de Thiago Ribeiro também trabalham em busca de um clube para o jogador. O mercado chinês foi acionado, mas sem sucesso.

Em 2016, o camisa 22 jogou contra Schalke 04 (45 minutos) e Corinthians (55 minutos) e depois não apareceu mais na equipe principal, nem mesmo entre os jogadores relacionados. É verdade que Thiago Ribeiro ficou cerca de um mês parado, por causa de um estiramento na coxa esquerda. Mas mesmo recuperado as oportunidades foram somente nos jogos contra URT e América-MG, em confrontos em que Aguirre optou por preservar os titulares.

Emprestado pelo Santos, o atacante chegou à Cidade do Galo sem custos, apenas com a equipe mineira bancando integralmente o ordenado do jogador. No entanto, com um salário alto, dificilmente Thiago Ribeiro vai continuar em Belo Horizonte no segundo semestre apenas para ser a quarta ou quinta opção de Diego Aguirre no ataque.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos