Fla transforma CT em referência e recebe até lutadores do UFC para testes

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

Inaugurado recentemente pelo Flamengo, o novo CT Ninho do Urubu conta com um departamento que promete se consolidar como referência no país. Trata-se do Centro de Excelência em Performance. O Rubro-negro adquiriu aparelhos modernos e alcançou uma tecnologia de ponta em pouco tempo. A impactante mudança já atraiu atletas ao local.

A ideia da diretoria é a de que o CEP FLA (Centro de Excelência em Performance do Flamengo) seja o modelo de alto desempenho esportivo no Brasil. O volante Ibson e o lutador do UFC Rogério Minotouro foram os primeiros atletas fora do clube que se beneficiam da estrutura.

O ex-jogador do Flamengo se recupera de uma tendinite patelar, enquanto o lutador de MMA se prepara para o combate contra Patrick Cummins, marcado para o UFC de 14 de maio. O médico Márcio Tannure idealizou o espaço e buscou parcerias para o Rubro-negro. Ligado ao Ultimate, ele já aguarda as visitas de outros lutadores ao CEP FLA.

"O Tannure é um amigo de anos. Ele realiza um trabalho excelente no futebol e no UFC. Estou confiante em melhorar a performance. O espaço está aprovado. É um centro de alto rendimento e com aparelhos dos mais modernos do mundo. Nunca havia feito os testes realizados aqui", afirmou Minotouro.

Os planos do Flamengo são ousados. E o coordenador científico Daniel Gonçalves é um dos responsáveis pelo sucesso do espaço.

"Estamos em fase de consolidação para transformar o Flamengo em uma referência. Em termos de equipamento e método podemos conhecer similar, mas nada melhor no Brasil. São três objetivos claros: diminuir lesões, acelerar o tempo de recuperação e melhorar o desempenho. A demanda do futebol exige isso. A tendência é a de que o Centro de Excelência em Performance esteja voando em termos de metodologia e conceitos daqui a um ano. A maior meta é a transferência do desempenho", explicou.

"Corinthians e Atlético-PR têm estruturas semelhantes. O Corinthians conseguiu transferir o desempenho para o campo. Foram campeões brasileiros, recuperaram o Renato Augusto. É exatamente o objetivo final do Flamengo", concluiu.

O clube investiu R$ 2 milhões na modernização do CT, incluindo construção e aquisição de aparelhos de alto nível para musculação e fisioterapia. A verba para a conclusão definitiva do centro de treinamento vem da economia gerada pela adesão ao Profut (Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro) e pela venda de 200 títulos de sócio-proprietário - totalizando mais de R$ 13 milhões. A administração Eduardo Bandeira de Mello promete entregar a obra final até dezembro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos