Palmeiras concretiza acordo com Cuca e anuncia a contratação do treinador

Do UOL, em São Paulo

O Palmeiras concretizou nesta segunda-feira à tarde o acordo com o técnico Cuca. O treinador assinou o contrato ao lado do presidente Paulo Nobre na Academia de Futebol. O vínculo irá até o fim deste ano, quando se encerrará também o mandato do dirigente.

Cuca trará com ele dois integrantes para a comissão técnica: o auxiliar Avlamir Dirceo Stival, o Cuquinha, e o analista de desempenho Eudes Pedro. O técnico deve ser apresentado ainda nesta segunda-feira, após o treino do Palmeiras.

Cuca é um sonho antigo do Palmeiras e treinará o time alviverde pela primeira vez na carreira -- como atacante, ele defendeu o clube no segundo semestre de 1992. Como treinador, já passou por dois times paulistas: o São Paulo (2004) e o Santos (2008).
 
Em maio de 2014, após a saída de Gilson Kleina do Palmeiras, o nome de Cuca ganhou força. O fato voltou a ocorrer depois da demissão de Oswaldo de Oliveira, em junho passado.A contratação, porém, foi inviabilizada por conta do vínculo do treinador com o Shandong Luneng e o longo contrato com o clube chinês.
 
Cuca, então, assumiu o comando do time asiático em janeiro de 2014, um mês depois de deixar o Atlético-MG, que perdeu a semifinal do Mundial de Clubes para o Raja Casablanca, do Marrocos.
 
Em dezembro passado, a diretoria do Shandong colocou ponto final da passagem de Cuca pelo clube. Com isso, o treinador voltou a ser cotado em clubes brasileiros, como o Fluminense e o próprio Palmeiras.
 
No clube paulista, Cuca terá uma missão difícil logo de imediato: levar o time às oitavas de final da Libertadores. Hoje, o Palmeiras é o segundo colocado do Grupo 2, com quatro pontos, mesmo número do Rosario Central-ARG. O Nacional-URU soma cinco e o River Plate-URU, dois.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos