Precisa-se de goleador no Inter! Erros reforçam carência e coro de Argel

Do UOL, em Porto Alegre

  • Andre Penner/AP Photo

    Teo Gutierrez é um dos alvos do Internacional para o ataque. Argel pressiona

    Teo Gutierrez é um dos alvos do Internacional para o ataque. Argel pressiona

O Inter precisa contratar um centroavante. A frase já repetida várias vezes pelo técnico Argel Fucks foi sublinhada com o empate contra o São Paulo-RS neste domingo. Após ver seus atacantes perderem uma série de oportunidades, o comandante usou os microfones para, novamente, pressionar pela chegada de um comandante de ataque. 

"É claro que perdemos jogadores importantes. Todo mundo sabe que precisamos qualificar o grupo. Precisamos de um camisa 9, precisamos de um camisa 10. Não vou ficar batendo nisso. É trabalho do departamento de futebol, e eles têm corrido atrás. O quanto antes estes reforços chegarem, melhor. Teremos mais opções para os campeonato, um jogador diferente, que possa somar ao grupo", disse o treinador em entrevista coletiva. 
 
O comando de futebol do Internacional se diz atento ao mercado. Abriu, recentemente, conversas para tentar a contratação de Téo Gutierrez, que está no Sporting, de Portugal. E não é o único nome em pauta. 
 
"Eu não vejo o Argel repetir sempre que precisa de um camisa 9 e um camisa 10. Mas estamos atentos ao mercado e trabalhando para reforçar o time. Sabemos das necessidades do clube", disse o vice de futebol, Carlos Pellegrini. 
 
Não é de agora que o Colorado procura um comandante de ataque. André, que foi para o Corinthians, Henrique Almeida, que preferiu o Grêmio, foram tentados pela direção do clube. E mais uma série de atletas foram oferecidos. 
 
Aparentemente, poder de investimento não é problema. Tanto que os alvos não são apenas dois, mas três atletas. Um comandante de ataque, um armador e um goleiro que possa substituir Alisson, que vai para a Roma, da Itália, no meio do ano. 
 
"Em nenhum momento o presidente me disse que está faltando dinheiro. Estamos com todas as atribuições em dia, salários, direitos de imagem, premiações. O presidente me comunicou que podemos ir em busca de reforços e o Inter tem condições de fazer isso", completou o dirigente.
 
A repetição de Argel por novas alternativas se dá, também, pelo enfraquecimento do elenco em relação ao ano passado. Jogadores importantes como Lisandro Lopez e D'Alessandro foram embora. Valdívia está lesionado. E assim as opções diminuem. 
 
Perto das finais do Gauchão e da Primeira Liga, o Inter pretende, o quanto antes, satisfazer seu treinador. Esta semana deve ser marcada por avanços no assunto contratações, seja para firmar com alguém ou mesmo abrir novas possibilidades. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos