Messi relembra dividida com F. Luís, mas foge de polêmica e descarta má-fé

Do UOL, em São Paulo

  • ALBERT GEA/REUTERS

    Dividida valeu três jogos de suspensão da Filipe Luís

    Dividida valeu três jogos de suspensão da Filipe Luís

No dia 30 de janeiro, o Barcelona recebeu o Atlético de Madri no Camp Nou e venceu por 2 a 1, em jogo pela 22ª rodada do Campeonato Espanhol. O placar do jogo, porém, ficou em segundo plano na imprensa espanhola diante de um lance do jogo: uma dividida entre Filipe Luís e Lionel Messi.

Na disputa de bola em questão, o lateral esquerdo levantou o pé e acertou a sola da chuteira no joelho de Messi. O lance custou o cartão vermelho a Filipe Luís, que demonstrou irritação – embora tenha concordado com a expulsão, o lateral disse que o caso só ganhou repercussão porque o argentino é protegido pela imprensa espanhola.

 

"O juiz não errou", disse, em entrevista ao canal de TV Esporte Interativo. "Essa jogada acontece em todos jogos, mas ele é o protegido da imprensa, da Liga. Obviamente ninguém quer que um dos melhores jogadores de todos se machuque e perca a oportunidade de ver ele jogar. Por isso criou tudo isso", afirmou.

Messi, por sua vez, demonstrou não guardar mágoas do lance. Em entrevista à revista argentina El Gráfico, o camisa 10 do Barcelona admitiu que a entrada foi incomum, mas disse não acreditar em má intenção do adversário.

"Não é comum que te acertem com a sola tão para cima, no joelho. São entradas que acontecem sem intenção de machucar, mas está claro que o regulamento não permite excessos", disse Messi. "O Tribunal julga, e não creio que haja má-fé por parte de ninguém", completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos