Osvaldo tem 1º brilho no Flu em nova função e pode ganhar vaga de D. Souza

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

Osvaldo foi contratado em 2015 para ser titular do Fluminense, mas falhou na missão. Foi engolido pela concorrência e terminou a temporada sem atuar. Ainda com Eduardo Baptista no comando, iniciou a atual temporada com moral, mas bastaram alguns jogos para voltar ao banco de reserva. Sempre atuando pelas pontas por causa da velocidade, o jogador tem nova função com Levir Culpi, que o deixou mais próximo do gol.

A alteração deu muito certo, tanto que Osvaldo marcou os dois gols do Fluminense no empate por 2 a 2 com o Internacional, que acabou eliminado na disputa de pênaltis. O atacante teve um rendimento tão bom que dificilmente perderá vaga na equipe titular para o próximo jogo, aproveitando a brecha criada pela saída de Diego Souza, que voltou ao Sport.

"Não acompanhei o Osvaldo o tempo todo. Não sei o que aconteceu com ele direito. É rápido, finalizador. Quero contar com ele, conheço a história e o currículo dele. É importante. É de velocidade e de conclusão. Vai ser um cara importante o ano todo", disse o técnico Levir Culpi.

Assim, a probabilidade é que Osvaldo seja o companheiro de Fred contra o Boavista, no domingo. O camisa 9 só não jogou contra o Internacional por estar suspenso da Primeira Liga e retomará a posição no Carioca. Magno Alves, portanto, voltaria ao banco de reservas para ser opção ao ataque ao lado de Marcos Júnior.

Osvaldo tem 34 jogos pelo Fluminense e balançou as redes em quatro oportunidades, já contabilizando os dois assinalados diante do Inter. A expectativa é que os números melhorem com a nova função do atacante em campo, agora mais próximo do gol.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos