Santos torce por Thiago Ribeiro para "levar" dois atletas do Bahia em troca

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/Santos FC

    Atacante está emprestado ao Bahia até o fim do ano, e Santos não o quer de volta

    Atacante está emprestado ao Bahia até o fim do ano, e Santos não o quer de volta

O Santos tem muitos motivos para torcer pelo atacante Thiago Ribeiro no Bahia. O clube paulista emprestou o jogador ao clube baiano até o fim desta temporada e não quer recebê-lo de volta em 2017.

A diretoria santista espera negociar o jogador na abertura da próxima janela de transferências, no meio do ano. O clube já foi avisado que os representantes do atleta buscam uma transferência para o futebol chinês. Em caso de proposta, o Santos precisa notificar o Bahia, que terá a oportunidade de cobrir a oferta.

Além disso, o Santos recebeu a prioridade de compra de dois atletas do Bahia – o volante Juninho, 30 anos, e o atacante Luisinho, 25 anos. O UOL Esporte apurou que a cúpula santista monitora a dupla e não descarta uma troca por Thiago Ribeiro.

Juninho e Luisinho chegaram ao Bahia nesta temporada após se destacarem na Série B do Campeonato Brasileiro do ano passado. O primeiro defendeu o Macaé, enquanto Luisinho se destacou na campanha de acesso do Santa Cruz para a Série A.

Juninho é segundo volante, mas também é utilizado como meia pelo técnico Doriva. Já Luisinho é atacante de beirada e tem se destacado no Bahia, jogando aberto pelo lado direito do ataque. A dupla tem vínculo com o clube baiano até o fim de 2017.

O Santos não tem interesse em Thiago Ribeiro, principalmente por causa do salário do atacante, pago integralmente pelo Bahia durante o empréstimo.

O ordenado do jogador ultrapassa o teto salarial do Santos. Thiago Ribeiro, inclusive, ganha quase R$ 100 mil mensais a mais que o centroavante Ricardo Oliveira, capitão santista e artilheiro do Campeonato Paulista e do Campeonato Brasileiro do ano passado.

A diretoria santista quer evitar mais problemas com o elenco. No ano passado, o clube contratou o argentino Ledesma com salário de R$ 200 mil mensais e causou insatisfação entre os jogadores.

Para o Santos conseguir um bom negócio, Thiago Ribeiro terá que jogar mais do que desempenhou no Atlético-MG. Em 2016, o atleta jogou contra Schalke 04 (45 minutos) e Corinthians (55 minutos), na Florida Cup, e depois não foi aproveitado no time titular do Galo, nem mesmo entre os jogadores relacionados. É verdade que Thiago Ribeiro ficou cerca de um mês parado, por causa de um estiramento na coxa esquerda. Mas mesmo recuperado as oportunidades foram somente nos jogos contra URT e América-MG, em confrontos em que Aguirre optou por preservar seus principais jogadores e escalou somente reservas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos