Cuca admite busca por reforços após derrotas no comando do Palmeiras

Do UOL, em São Paulo

Cuca avisou que discute com a diretoria a contratação de reforços em meio à série de derrotas do Palmeiras na temporada. Na quinta-feira, o time alviverde perdeu para o Red Bull, 2 a 1, no Pacaembu, o terceiro revés seguido do treinador à frente do clube.

Em entrevista coletiva, Cuca ressalta que precisa testar vários jogadores do elenco antes de fechar uma lista de reforços para o restante do ano.

"Externamente é cedo [falar em reforços], mas internamente tenho pensado. Não quero cometer injustiça, tenho dado oportunidade a quase todos, para depois tomar medidas. Podemos ser campeões paulistas, até Libertadores, mas o trabalho vai aparecer com uma sequência. Com um, dois meses, as coisas vão evoluir, mas nosso grande campeonato é o Brasileiro. O time encaixado, com alguns reforços pontuais", disse.

O treinador defendeu o gerente de futebol do clube Alexandre Mattos, que arquitetou a montagem do atual elenco com o presidente Paulo Nobre. O dirigente é contestado internamente pelo excesso de contratações nos últimos dois anos.

O atual elenco é composto por 36 atletas. Mesmo com tantos jogadores à disposição, o time apresenta carências em alguns setores, principalmente na criação do meio-campo. Cuca montou três formações diferentes à frente do time.

"O Alexandre é um jovem de 39 anos. É arrojado, fez um excelente trabalho no Cruzeiro, deu uma reformulada geral. Ele sofre tanto quanto eu. Só que desse sofrimento, temos que tirar um partido, um princípio, porque não nascemos para sofrer", disse Cuca.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos