Filho de M. Carioca pega Chikungunya, reprova em teste e pode deixar Santos

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Arte/UOL

    Lucas Surcin será avaliado pelo técnico Kleiton Lima, que comanda o time B do Santos

    Lucas Surcin será avaliado pelo técnico Kleiton Lima, que comanda o time B do Santos

O meia-atacante Lucas Surcin, filho do ex-jogador Marcelinho Carioca, está prestes a deixar o Santos. O atleta, que assinou contrato até o início do próximo mês, tem poucos dias para convencer o técnico Kleiton Lima que pode fazer parte do elenco do time B do clube paulista.

Neste período de contrato com o Santos, Lucas encarou dois empréstimos – para o Vitória-PE e Portuguesa Santista. O UOL Esporte apurou um dos problemas que dificultou a carreira do filho do ídolo corintiano neste ano. Em sua passagem pelo time de Pernambuco, o atacante pegou febre Chikungunya, vírus transmitido pelo mosquito do Aedes e, por isso, praticamente não pôde mostrar seu futebol.

Em seguida, Lucas foi repassado a Portuguesa Santista para um período de testes. Entre os 16 jogadores cedidos pelo Santos, o filho de Marcelinho Carioca integrou a relação dos oito que foram reprovados e voltaram ao clube da Vila Belmiro.

Apesar de não ser aprovado nos últimos testes, Lucas ainda tem chances de permanecer no Santos. Na visão da cúpula santista, a Portuguesa Santista optou por escolher atletas mais "cascudos" para disputar a 4ª divisão do Campeonato Paulista, pois a competição exige jogadores mais fortes fisicamente.

Por isso, o Santos promete observar o filho de Marcelinho Carioca com "carinho" nos próximos dias e não descarta a renovação contratual.

Filho de ex-meia do Santos também foi reprovado em testes

O filho de outro ex-jogador, o meia Marcelinho Passos, filho do ex-meia Marcelo Passos, vice-campeão brasileiro pelo Santos em 1995, seguiu a mesma trajetória de Lucas. A dupla ajudou o Vitória a se manter na primeira divisão do Campeonato Pernambucano e, em seguida, foi reprovada nos "testes" da Portuguesa Santista.

Os dois foram contratados com salário baixo para os padrões do futebol. No caso de Lucas, filho de Marcelinho Carioca, o Santos paga R$ 1 mil por mês.

O filho de Marcelinho Carioca disputou a Série A3 do Campeonato Paulista pelo Tupã no ano passado antes de acertar com o Santos no início desta temporada. Lucas foi revelado pelo São Caetano e também defendeu Audax-RJ e Marília. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos