Gil exalta luta da seleção no 2º tempo e pede respeito ao futebol chinês

Do UOL, em São Paulo

O zagueiro Gil atuou como titular da seleção brasileira nesta terça (29), no empate por 2 a 2 para o Paraguai pelas Eliminatórias da Copa de 2018. O Brasil está em 6º na classificação e o jogador ressalta a luta da equipe e também pediu respeito aos jogadores que atuam no futebol chinês.

"Entrei hoje para tentar sair vencedor. A nossa equipe lutou, brigou. A gente sabe que Eliminatórias são sempre difíceis. Mostramos que no segundo tempo a gente tem totais condições de conseguir a classificação", analisou o zagueiro.

Gil também se mostrou desconfortável com as críticas pela convocação de jogadores que atuam no futebol chinês, como ele mesmo. "A gente pede respeito porque estamos na China e não é a passeio. A gente treina da mesma maneira, dentro do nosso coração a gente sabe o que passa lá então a gente fica tranquilo. Não tem vantagem, aqui não tem vantagem, cada dia temos que mostrar nosso trabalho e eu tenho feito isso bem", comentou à ESPN.

Gil comparou a partida desta terça com a da última sexta, contra o Uruguai. "Acho que hoje aconteceu o que aconteceu conosco lá em recife. No segundo tempo, todo mundo se entregou ao máximo. Eliminatórias são sempre assim. É trabalhar. O mais importante é o trabalho. Todo mundo trabalha com seriedade, todo mundo está trabalhando da mesma maneira", completou Gil. 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos