Pintado vence concorrência e encaminha acordo para ser dirigente do SP

Guilherme Palenzuela

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/Guarani

    Pintado deixa o comando técnico do Guarani para trabalhar no São Paulo

    Pintado deixa o comando técnico do Guarani para trabalhar no São Paulo

Uma reunião na cúpula do São Paulo nesta quinta-feira encaminhou o nome de Pintado para assumir cargo na diretoria do clube. Até o encontro realizado pela manhã, pelo menos outros dois nomes também ligados à história são-paulina eram cogitados: Cafu e Ronaldão. 

Com a escolha de Pintado como número um, o São Paulo também se aproximou de acerto para que o profissional assuma cargo na próxima semana. Atualmente treinador do Guarani, ele já acertou seu desligamento do clube com o encerramento da primeira fase da Série A-2 do Campeonato Paulista. 

A missão de Pintado dentro do São Paulo será semelhante a que executou Marco Aurélio Cunha como superintendente de futebol durante a conquista do tricampeonato brasileiro na década passada. Ele chega ao Morumbi para ser o elo entre a diretoria, o elenco e a comissão técnica dirigida por Edgardo Bauza. O cargo será chamado, entretanto, de auxiliar técnico.

Com aproximadamente 10 anos com experiência como treinador, Pintado tem os melhores momentos da carreira como atleta a serviço do São Paulo. O volante com forte poder de liderança fez parte dos elencos que venceram a Copa Libertadores de 1992 e 1993, além do Mundial Interclubes de 1992. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos