Lateral do Fla leva pancada forte, desmaia e deixa treino de ambulância

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

O primeiro dia de treinamento do Flamengo após o empate com o Botafogo apresentou um grande susto. Em uma disputa de bola com Pará, Jorge levou uma pancada no pescoço e desmaiou. Ele foi rapidamente atendido pelo departamento médico, mas teve que deixar o Ninho do Urubu de ambulância para fazer exames em um hospital próximo.

O treinamento já se encaminhava para o fim, quando Jorge e Pará disputaram uma jogada. O lateral direito abriu o braço e atingiu o pescoço do companheiro, que caiu gritando de dor. Alguns segundos depois, ele caiu inconsciente. Nesse momento o médico do Flamengo se aproximou e iniciou o atendimento.

Após acordar, Jorge se mostrou consciente, mas com muita dor no local. O médico achou melhor imobilizar e colocou um colar ortopédico. O lateral esquerdo ficou sob os cuidados do departamento médico até a chegada da ambulância, quando o centro de treinamento já estava sem luz natural.

Jorge foi levado para o Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, pouco mais de 20km de distância do centro de treinamento Ninho do Urubu, em Vargem Grande. "Já conversei com ele, graças a Deus saiu muito bem. Amanhã já está aí com a gente, se Deus quiser", disse Rodinei, escolhido para dar entrevista nesta segunda. Ele foi liberado na noite desta segunda. 

O médico João Marcelo Amorim, do Flamengo, explicou a situação do atleta. "O Flamengo tem muito cuidado com os jogadores. Mesmo já se encontrando bem, resolvemos trazer o atleta de ambulância para fazer exames. Foi feita uma análise clínica e neurológica e nada foi constatado. Assim, ele foi liberado para retornar a casa, descansar e se reapresentar amanhã normalmente. Por se tratar de um trauma na face, vamos reavaliar amanhã", comentou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos