Como dinheiro da Globo atrapalha o Grêmio para contratar Zeballos

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

Receber dinheiro é bom, não há dúvida disso. Mas quando o dinheiro que irá entrar já está comprometido, as notícias do recebimento de verba podem atrapalhar. E é isso que o Grêmio enfrenta no negócio com o uruguaio Zeballos. A informação dos R$ 100 milhões de luvas da Rede Globo viraram argumento contra o clube. 

O Tricolor fez uma primeira oferta ao jogador e ao Defensor Sporting, clube que detém os direitos do atleta. O diretor executivo de futebol, Rui Costa, esteve em Montevidéu para tentar o acerto. Não foi possível. A investida inicial foi considerada baixa, até porque os uruguaios sabiam do valor que o Tricolor tem para receber. 

"Estive em Montevidéu, me reuni com dirigentes do Defensor. Buscamos agregar um perfil diferente de lateral ao Grêmio. Confiamos no Wallace e Wesley, mas desde a saída do Galhardo entendemos que precisaríamos de três opções. Na Libertadores é necessário às vezes jogadores de imposição física, mais defensivos. A medida que o Grêmio manifesta interesse no Zeballos, que de alguma forma se entende que o clube fez um contrato importante com uma emissora de TV, as coisas passam a ser mais complicadas", disse Rui em entrevista coletiva. 

Mas a negociação não foi dada por encerrada. O empresário do jogador, Javier Manzo, espera uma nova oferta gremista nos próximos dias. O clube, contudo, mostra-se irredutível. 

"Temos um modelo de negócio que achamos adequados para o jogador, falamos isso a ele autorizados pelo clube, se o modelo for o que entendemos razoável como investimento, faremos, caso contrário, não. Se acontecerem assim como entendemos, o negócio vai avançar, caso contrário buscaremos nossas alternativas até dentro do grupo", completou Rui. 

Hoje, o titular da posição é Ramiro, que é volante e atua improvisado. No entanto, o jogador contraiu caxumba, num surto que está ocorrendo na cidade de Porto Alegre. Wallace Oliveira voltou de lesão e Wesley é outra alternativa. 

A contratação de um lateral é prioridade ao Grêmio. Até porque Wesley não tem direitos pertencentes ao clube, mas é jogador do Novo Hamburgo e está emprestado. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos