Ex-Menino da Vila e da 'geração Ganso' é oferecido ao Santos, que analisa

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • AFP

    Júnior Dutra se destacou no Santo André e depois atuou no Japão, Bélgica e Arábia

    Júnior Dutra se destacou no Santo André e depois atuou no Japão, Bélgica e Arábia

O meia-atacante Júnior Dutra, 27 anos, foi oferecido ao Santos, que avalia a contratação. Dutra foi revelado nas categorias de base do alvinegro praiano, fez parte da geração de Paulo Henrique Ganso, mas foi rejeitado antes mesmo de se tornar profissional.

O meia atuou cinco anos na base santista e também atuou ao lado do atacante Moraes, autor do gol do título paulista em 2007, e do goleiro Felipe, entre outros. Ganso chegou no final desta geração e, inclusive, "roubou" o espaço que era de Júnior Dutra na equipe.

Há seis temporadas no exterior, Dutra se destacou no futebol profissional atuando pelo Santo André, em 2009, quando fez boa parceira com Ricardo Goulart, bicampeão brasileiro pelo Cruzeiro e hoje no futebol chinês.

Em seguida, o meia se transferiu para o futebol japonês, onde defendeu o Kyoto Sanga e o Kashima Antlers. Junior Dutra também atuou no Lokeren, da Bélgica. Recentemente, ele rescindiu contrato com Al-Arabi, do Qatar, e está livre no mercado.

Na semana passada, o meia-atacante foi oferecido a diretoria santista, que ainda não definiu se investirá no atleta, que tem a carreira gerenciada por André Cury.

Até o momento, o Santos já fechou três contratações para o Campeonato Brasileiro. Um centroavante, caso de Rodrigão, que atua no Campinense, mas chega antes do início do Brasileirão, e dois zagueiros, o argentino Fabián Noguera e o desconhecido Renan Montanha, jovem revelação do ABC-RN. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos