Pelé esteve perto do Real Madrid, mas não se arrependeu de ficar no Santos

Do UOL, em São Paulo

  • Arquivo Folhapress

Pelé foi aos Estados Unidos para o lançamento do filme Pelé: The birth of a legend ("Pelé: O nascimento de uma lenda" em tradução livre) no Festival de Cinema de Tribeca, em Nova York. Durante o evento, foi perguntado a respeito de sua carreira, durante a qual jamais defendeu um clube europeu.

O ex-camisa 10 surpreendeu e disse que esteve "quase a ponto de assinar com o Real Madrid" em determinado momento da carreira, mas nunca se "arrependeu" de permanecer no Santos. A informação foi divulgada pela imprensa esportiva espanhola, sem determinar em que momento essa possível transação quase ocorreu.

O Real Madrid, porém, não foi o primeiro clube europeu a demonstrar interesse em contratar Pelé. Ao longo da carreira, Milan (Itália) e Dumfermline (Escócia), entre outros, tentaram contratar o astro do Santos e da seleção brasileira – apenas o New York Cosmos, entre 1975 e 1977, conseguiu convencê-lo.

Ao longo da entrevista coletiva, Pelé ainda demonstrou atenção com a organização dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro. Entre as situações mais preocupantes, segundo ele, está a do Zika vírus.

"Durante os Jogos, teremos muitos turistas no Brasil. É claro que (o Zika vírus) é uma preocupação, porque o nome do Brasil está em jogo", analisou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos