Às vésperas do jogo contra o São Paulo, técnico do Toluca pede demissão

Do UOL, em São Paulo

  • AP Photo/Christian Palma

    Após mais uma derrota, agora pelo Mexicano, José Cardozo (de terno) demitiu-se

    Após mais uma derrota, agora pelo Mexicano, José Cardozo (de terno) demitiu-se

Menos de três dias depois de ser goleado por 4 a 0 pelo São Paulo, no Morumbi, no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, o Toluca-MEX voltou a ser derrotado e o técnico José Cardozo anunciou antecipadamente sua demissão.

Após perder em casa por 2 a 0 para o Cruz Azul, no Campeonato Mexicano, neste domingo (1º), Cardozo afirmou que o jogo de volta contra o São Paulo, na próxima quarta (4), será seu último pelo clube.

"O Toluca é um grande clube e a exigência é alta. A torcida merece mais e o primeiro que se vai é o técnico", afirmou Cardozo.

"Na quarta não tenho dúvidas que vamos dar tudo e ganhar, depois me vou", explicou o técnico do Toluca, referindo-se ao jogo contra o São Paulo

"Com todo o respeito aos torcedores que vem ao estádio, minha decisão está tomada", concluiu José Cardozo.

Na próxima quarta, o São Paulo visita o Toluca, que precisa vencer por cinco gols de diferença para alcançar às quartas da Libertadores. Caso o Tricolor do Morumbi marque um, o time mexicano terá de fazer seis gols. Quem avançar no duelo, pegará o vencedor do confronto entre Racing-ARG e Atlético-MG.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos