Tiki-Taka: tudo começou num brinquedo que machucou muita criança

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Esse é o tiki-taka espanhol: brinquedo que fez sucesso na Espanha

    Esse é o tiki-taka espanhol: brinquedo que fez sucesso na Espanha

Ao ouvir a expressão "tiki-taka", é quase imediata a referência ao estilo de jogo que ficou famoso nos últimos anos principalmente em times como a seleção espanhola e o Barcelona. O que poucos imaginam, no entanto, é que esse termo já era famoso na Espanha por dar nome a um brinquedo infantil que machucava muitos dedos e era uma ameaça à mobília das casas. No Brasil, ele se chamava "bolimbolacho" ou "bate-bate". Na Espanha, tiki-taka.

O simples brinquedo espanhol consiste em duas bolas de tamanho igual (de madeira ou de plástico maciço), unidos por um fio e presos por uma pequena argola. O objetivo é, segurando pela argola, fazer as bolas baterem repetidamente uma na outra. Do choque das bolas sai o som de "tiki-taka".

O nome também tem uma explicação na euskera, uma língua falada em alguns territórios de Espanha e França. Nesse caso, tiki-taka significa "jogar a bola sem força, com cuidado". Para muitas crianças, no entanto, poupar força com esse brinquedo não era fácil. E aí o resultado eram dedos machucados e peças quebradas.

Alguns técnicos de futebol na Espanha começaram a usar a expressão tiki-taka ainda nos anos 1980, mas ela só se popularizou mesmo em 2006, durante a Copa do Mundo na Alemanha. Na época, o popular narrador espanhol Andrés Montes repetia o termo para elogiar o estilo de jogo da Espanha, de passes curtos e precisos e de busca constante por dominar os espaços do campo.

O "tiki-taka", então, continuou colado à seleção da Espanha e ficou ainda mais famoso quando a equipe se tornou campeã mundial em 2010. O Barcelona também foi associado ao tiki-taka, embora Pep Guardiola, o treinador que fez o time valorizar tanto a posse de bola e os passes curtos e rápidos, não seja um fã da expressão.

"Eu odeio o tiki-taka. Odeio. O tiki-taka é passar a bola por passar, sem nenhum objetivo. E isso não serve para nada. Não acreditem no que ouvem: o Barça não tinha nada de tiki-taka. Isso é uma invenção", disse o treinador no livro Guardiola Confidencial.

Goste Guardiola ou não, a expressão foi muito usada para definir o estilo de jogo do Barcelona sob seu comando, numa época em que a equipe catalã conquistou os principais títulos e consagrou Messi, Xavi, Iniesta e cia. O fato é que o novo uso do tiki-taka já é tão ou mais famoso que seu significado original.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos