River fora da Libertadores não muda nada. D'Ale não volta ao Inter

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • AFP PHOTO / JUAN MABROMATA

    Queda nas oitavas da Libertadores não fará meia voltar antes do fim do empréstimo

    Queda nas oitavas da Libertadores não fará meia voltar antes do fim do empréstimo

D'Alessandro deixou o Beira-Rio para jogar a Copa Libertadores pelo River Plate. O time argentino foi eliminado nas oitavas de final, pelo Independiente Del Valle-EQU. Mas o empréstimo do meia seguirá até o fim, sem chance de retorno antecipado ao Internacional.

D'Ale está cedido até dezembro. O contrato com o Inter vai até o final de 2017, mas também não há certeza sobre o retorno dele no ano que vem.

A família de volta à Argentina é um dos motivos. Outro tem ligação com o atual momento do Inter.  Líder do vestiário, principal ícone do clube há mais de cinco anos (nos dois primeiros dividia o status com outros nomes), o meia sentiu o desgaste da relação com dirigentes. Sofreu com exposição considerada demasiada.

O desejo do River e abordagem de Enzo Francescoli, no final de 2015, resolveram dois temas em um. O meia voltou ao clube que o revelou e saiu antes de um possível conflito em Porto Alegre.

Além deste aspecto, D'Alessandro também pesa o lado técnico. Da bola em si. Nela, ele assume cada vez mais importância no time treinado por Marcelo Gallardo. Se tornando figura central mesmo em um elenco com outros nomes de peso.

Em 13 jogos (10 como titular) pelo River Plate, o meia marcou três gols. E foi flagrado, mais de uma vez, como referência no grupo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos