Corinthians deve mais de R$ 10 milhões a jogadores que deixaram o clube

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • PAULO WHITAKER / REUTERS

O Corinthians tem a pagar direitos de imagem a pelo menos dez jogadores que já deixaram o clube em 2016. Somados, os valores designados para ex-atletas corintianos são de R$ 10,6 milhões. As informações constam no balanço referente ao exercício 2015 que foi recentemente divulgado.

O principal credor dessa relação é o meia Renato Augusto, recentemente transferido para o futebol chinês. Mesmo após sanar parte da pendência que detinha com o atleta, o Corinthians tem R$ 3,9 milhões a pagar para ele. Outros que deixaram o clube nos últimos meses engrossam a lista, como Vagner Love, Fábio Santos, Gil e Emerson Sheik. 

No último exercício, por sinal, uma série de pagamentos foram realizados para diminuir essa conta de credores. O Corinthians pagou R$ 2,563 milhões ao ex-centroavante Souza, que foi contratado em 2010, R$ 1,6 milhão ao zagueiro Anderson Martins, que jogou em 2014, e mais R$ 2,568 milhões para o treinador Mano Menezes. Todos são representados pelo empresário Carlos Leite, que emprestou R$ 5 milhões ao clube com juros de 1,94% ao mês. Ao atacante Elton, contratado em 2012, foi pago R$ 1,078 milhão.

No caso do volante Ralf, os valores foram quitados em sua saída para a China. No acordo para rescisão, ele recebeu aproximadamente R$ 3,5 milhões.

Confira a lista de credores entre ex-jogadores do Corinthians para o ano de 2016:

Renato Augusto - R$ 3,960 milhões
Anderson Martins - R$ 1,3 milhão
Vagner Love - R$ 1,248 milhão
Ralf - R$ 3,5 milhões
Sheik - R$ 870 mil
Gil - R$ 672 mil
Elton - R$ 473 mil
Lodeiro - R$ 366 mil
Fábio Santos - 332 mil
Petros - R$ 300 mil

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos