O estádio às traças tomado por árvores e mendigos que voltou a ter jogos

Do UOL, em São Paulo

Essa é uma história de amor entre uma cidade, um ídolo e um estádio. Como aqueles roteiros repetidos e pouco criativos, teve momentos de dificuldade: o estádio que recebia milhares de torcedores foi abandonado pelo time e pela cidade. Foi tomado pela vegetação e virou abrigo de mendigos. Mas a figura do ídolo aqueceu o relacionamento. E no ano passado, com a população dedicando seus fins de semana às obras, o estádio voltou a receber todo mundo: o time, a torcida e o ídolo.

"Quando voltamos ao estádio pela primeira vez, era um cenário perfeito para fazer um filme de terror", resumiu Petr Svancara, ex-atacante tcheco, ao falar sobre o estádio Za Luzankami, em Brno, segunda maior cidade da República Tcheca.

Petr Svancara é o ídolo em questão, ex-capitão e torcedor do Zbrojovka Brno e frequentador do estádio Za Luzankami desde pequeno. Ele ia ao estádio ainda criança como fã do Zbrojovka Brno. Depois, tornou-se gandula nas partidas da equipe. E, adulto, realizou o sonho de jogar profissionalmente pelo time de coração.

Em 2001, no entanto, o Zbrojovka Brno abandonou o estádio que era sua casa. Como o local perdeu os laudos necessários e o governo alegou falta de recursos para reformá-lo, o time se mudou para outro estádio da cidade. Foi quando o Za Luzankami tornou-se o cenário do filme de terror citado pelo ex-atacante.

Árvores e uma larga vegetação tomaram conta do estádio. Ele virou quase um bizarro parque silvestre, a ponto de aves raras serem vistas por lá, segundo o ex-atacante. Moradores de rua aproveitaram a estrutura das arquibancadas como abrigo. O estádio que chegou a ser o maior da extinta ,Tchecoslováquia tendo até hoje o recorde de público do campeonato local, estava totalmente abandonado.

No ano passado, no entanto, Petr Svancara anunciou sua aposentadoria. Ele e seus fãs queriam um jogo de despedida no estádio abandonado. E com um sistema de financiamento coletivo, muito trabalho voluntário e doações de empresários locais, o ex-jogador e a população recuperaram o Za Luzankami.

"Muitas pessoas iam aos sábados trabalhar no estádio em vez de passar o dia com suas famílias. Teve até gente de outras cidades nos ajudando. A causa conquistou o coração das pessoas", contou Petr Svancara.

E em junho do ano passado, mais um sonho do ex-jogador se realizou. Estima-se que 35 mil pessoas foram ao recuperado Za Luzankami assistir a uma partida entre ídolos do time local, com Petr como capitão. Quem ficou sem ingresso tentou ver o jogo de prédios vizinhos. Hoje, a equipe de base do Zbrojovka Brno usa o estádio. A população quer o time principal de volta também. Tudo aponta para um final feliz nessa história de amor.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos