Dois brasileiros já decretaram crise e fim de era dourada do Barcelona

Do UOL, em São Paulo

  • Denis Doyle/Getty Images

    Marcos Assunção e Ronaldinho em duelo Barça x Betis

    Marcos Assunção e Ronaldinho em duelo Barça x Betis

Um dos períodos mais vitoriosos do Barcelona neste século aconteceu entre 2004 e 2006, sob o comando de Ronaldinho Gaúcho. E quem contribuiu diretamente para o fim desse sucesso foi uma dupla brasileira bem menos badalada: Marcos Assunção e Rafael Sobis. Em 2007, uma jogada deles, então no Betis, decretou a perda da liderança no Espanhol e o início de uma crise no Barcelona.

Crise essa que culminaria na saída de Ronaldinho, Deco e até do técnico Frank Rijkaard. Também foi nessa época que Lionel Messi começou a ganhar importância, Pep Guardiola assumiu o time e um novo período de títulos se instalou no Camp Nou.

E o marco de tanta mudança foi o gol de Rafael Sobis marcou em maio de 2007. O Barcelona já havia sido eliminado nas oitavas de final da Liga dos Campeões, pelo Liverpool, e também tinha caído na Copa do Rei, sendo goleado pelo Getafe. Mas ainda liderava o Espanhol e vencia o Betis no Camp Nou, fazendo a lição de casa.

No entanto, aos 45 minutos do segundo tempo, Eto'o cometeu falta na intermediária defensiva. Marcos Assunção pegou a bola e cobrou rapidamente, lançando Rafael Sobis pela direita. O ex-atacante do Internacional dominou e bateu cruzado, vencendo Valdés. As imagens da TV na época mostram o desânimo estampado na cara de todos do Barcelona.

Valdés leva as mãos à cabeça, Ronaldinho, já no banco de reservas, olha desanimado, assim como Deco. Até o presidente do clube, Joan Laporta, aparece na tribuna com expressão de poucos amigos. Naquela rodada, o Barcelona perdia a liderança do Espanhol e, como o campeonato mostrou na sequência, o título nacional.

Uma temporada após ser bicampeão espanhol e conquistar a Liga dos Campeões depois de 14 anos de jejum, o time catalão mergulhava numa crise que se arrastaria por mais uma temporada. Foi nesse cenário que surgiu Pep Guardiola no comando da equipe e a confirmação de uma estrela em ascensão: Lionel Messi, então coadjuvante de Ronaldinho.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos