Brasileiro é condenado a 5 meses de condicional por agressão a Thiago Motta

Do UOL, em São Paulo

O brasileiro Brandão, jogador do Bastia, foi condenado a cinco meses de prisão condicional e a uma multa de 20 mil euros por uma agressão ao conterrâneo Thiago Motta, do Paris Saint-Germain, na temporada passada. A notícia é do jornal As, da Espanha. O UOL Esporte ligou para o jogador, que falou que naquele momento não podia responder à ligação.

O ex-atacante de Grêmio e Cruzeiro deu uma cabeçada no volante rival após um jogo entre Bastia e PSG no dia 16 de agosto de 2014. A cena não ocorreu dentro do gramado, mas nos vestiários, e causou uma fratura nasal em Thiago Motta.

A punição inicial foi de um mês de prisão condicional, embora o Tribunal Correcional de Paris tivesse solicitado oito meses, mais multa de 15 mil euros. Ainda assim, Brandão recorreu, mas viu sua pena ser ampliada.

O caso foi investigado pela polícia, que agiu de modo autônomo, já que nem PSG, nem Thiago Motta denunciaram o brasileiro, que admitiu ter agredido o rival.

Além das repercussões criminais, Brandão foi suspenso por seis meses pela justiça desportiva, período já cumprido pelo jogador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos