Martino admite passagem ruim no Barcelona: 'foi um fracasso total'

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO/ LLUIS GENE

    Treinador não conquistou nenhum título significativo sob o comando do Barcelona

    Treinador não conquistou nenhum título significativo sob o comando do Barcelona

O técnico da seleção argentina, Tata Martino, admitiu que sua passagem pelo comando do Barcelona foi desastrosa. Mesmo com Lionel Messi, Neymar, Iniesta e outros grandes atletas no elenco, Tata não conseguiu títulos significativos na equipe catalã.

"O meu Barcelona foi um fracasso total. Normalmente um fracasso significa não ganhar. Minha visão é outra. Se o Baça tivesse um perfil de equipe, ainda se não tivéssemos ganhado, não seria um fracasso. Mas não ganhamos e não jogamos bem", declarou Martino à revista Panenka.

Ele dirigiu o Barça na temporada 2013/204. A única conquista foi a Supercopa da Espanha (2013). Em 2014, o time não ganhou nenhuma taça, algo que não ocorria desde 2008.

Martino foi substituído por Luis Enrique, que conquistou a tríplice coroa em 2015 (Espanhol, Copa do Rei e Liga dos Campeões).

Martino atribui parte do fraco rendimento no Barcelona a problemas extracampo. O time espanhol havia sido penalizado pela Fifa e proibido de contratar atletas (em virtude de aliciamento de jovens jogadores).

O técnico argentino pretendia reformular o elenco, mas teve de rever os planos diante da impossibilidade de ir ao mercado. Martini acrescenta que não tinha mais clima para seguir no Barcelona.

"Não fazia sentido mais prolongar algo que estava morto há tempos. Não desfrutei treinando o Barcelona, mas creio que ninguém desfrutou".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos