Fora dos planos, Alex entra em queda de braço com Inter sobre futuro

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Jeremias Wernek/UOL

    Meia não joga há um mês e tem sobrado até do banco. Nos treinos, é visto fora do time reserva

    Meia não joga há um mês e tem sobrado até do banco. Nos treinos, é visto fora do time reserva

A relação entre Internacional e Alex vive fase turbulenta. Fora dos planos de Argel Fucks, o meia não cogita deixar o Beira-Rio. O plano do Colorado, contudo, é encontrar um novo clube para o jogador. Dia após dia, a queda de braço só se consolida mais nos bastidores e não tem data para acabar.

Até a proteção pública feita pelo Inter a Alex ruiu recentemente. No último domingo, Argel argumentou sua escolha citando os gols marcados e a boa fase de Andrigo e Gustavo Ferrareis. Na declaração, o treinador lembrou que o camisa 12 fez somente um gol nos últimos meses.

Oficialmente, o Inter é lacônico: Alex faz parte do elenco e segue treinando normalmente para recuperar espaço. Só que a visão interna é de que o meia não tem mais como ajudar o elenco.

Com contrato até dezembro de 2017, Alex cumpre todos os horários e inclusive vai ao estádio mesmo quando não é relacionado. Recebe respeito do elenco, recheado de jovens. Mas não tem o mesmo cartaz de antes.

Alex afirma, para pessoas próximas, que tem o desejo de seguir no Beira-Rio para ajudar o Inter a conquistar um título nacional. Contratado pelo Colorado em 2004, ele participou das grandes vitórias do clube – como Libertadores, Mundial e Sul-Americana.

A relação caminha para uma guerra fria. A ausência de fotos do meia nas redes sociais e conteúdos oficiais do Inter gerou insatisfação. Consultada pelo UOL Esporte, a assessoria de Alex afirma que o jogador foi orientado pelo clube a não dar entrevistas. O Internacional nega.  

De janeiro para cá, três clubes manifestaram interesse em Alex. Sport, Botafogo e Vitória. O time carioca chegou a receber aval do Inter para negociar com o jogador e ouviu um não. Nas próximas semanas a situação dele junto ao time titular não deve mudar. Resta saber se a relação extracampo irá desandar de vez e se algum dos lados muda de ideia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos