Brasil faz treino com 12 jogadores, e Dunga diz que cansaço pode mudar time

Danilo Lavieri e Guilherme Palenzuela

Do UOL, em Los Angeles (EUA)

Apesar de ter uma base de time titular na cabeça, Dunga admite que pode fazer diferentes formações ao longo dos dias de preparação para a Copa América Centenário. O principal componente para essa incerteza é o cansaço.

Se no Brasil a temporada ainda está perto de sua metade, com o início do Brasileirão, na Europa, os atletas deveriam estar a caminho das férias. Por isso, o comandante afirma que fará análises para definir os 11 que farão a estreia da seleção contra o Equador, no dia 4 de junho, contra o Equador.

"A princípio nós temos um grupo de jogadores, sendo que alguns estão no fim de pré-temporada, outros no meio. Vai depender muito dos treinamentos, das conversas que tivermos com os médicos, com a comissão técnica, da condição com que os jogadores se apresentam. A gente tem que pensar em uma preparação individual de cada elemento e do que cada um pode contribuir. A partir daí, vamos pensar em qual vai ser a melhor opção. Nesses primeiros dias estamos muito focados em ver como está cada um", afirmou o comandante.

Se todos os testes estiverem dentro do previsto, os 11 da seleção devem ser: Alisson; Daniel Alves, Gil, Miranda e Filipe Luís; Elias, Luiz Gustavo e Renato Augusto; Willian, Douglas Costa e Jonas.

Nesta segunda-feira (23), o elenco fez os dois primeiros treinos. Pela manhã, os jogadores ficaram apenas na sala de musculação. Na tarde, 12 jogadores foram a campo: Alisson, Diego Alves, Ederson, Rodrigo Caio, Fabinho, Luiz Gustavo, Miranda, Gil, Hulk, Philippe Coutinho, Jonas e Willian.

Gabigol, Lucas Lima e Douglas Santos, que atuaram no domingo pelo Brasileirão, chegaram nesta manhã e ficaram apenas na musculação. Marquinhos, do PSG, também não foi a campo. Renato Augusto, Douglas Costa e Rafinha Alcântara chegam ainda nesta segunda, mas não treinarão.

Elias, outro que jogou no Nacional, desembarca nos Estados Unidos na terça-feira por ter atuado na Bahia, o que dificultou a conexão com voos internacionais. Daniel Alves chega a Los Angeles no dia 25 após fazer tratamento especial em Barcelona.

É com esses 21 jogadores que o comandante disputará o amistoso no dia 29 de maio, contra o Panamá, em Denver. No dia 30, já de volta a Los Angeles, realizará trabalhos com a chegadas de Casemiro e Filipe Luís, que disputarão a final da Liga dos Campeões.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos