Gabriel realiza sonho e diz não ter preferência por função no ataque

Danilo Lavieri e Guilherme Palenzuela

Do UOL, em Denver (EUA)

O estreante Gabriel precisou de apenas dez minutos em campo para marcar um gol com a camisa da seleção brasileira. O atacante santista balançou as redes aos 27 minutos da segunda etapa, após uma falha da zaga panamenha. O camisa 9, em entrevista à TV Globo, ressaltou a alegria pela estreia e disse que realizou um sonho ao dividir o gramado com seus ídolos.

"Estou muito contente pela estreia e pelo gol. Queria agradecer ao professor pela oportunidade. Estou aqui para ajudar e aprender, como eu sempre falo. Vários jogadores daqui são meus ídolos. Realizei um sonho de jogar com Dani Alves e Kaká, jogadores que eu via pela TV", contou.

Questionado sobre a função que prefere exercer em campo, Gabriel desconversou. Ele garantiu que não preferência por jogar pelas beiradas, como vem fazendo sob o comando de Dorival Júnior no Santos, ou centralizado, como atuava em seu início de carreira no clube paulista.

"Pelo lado ou centralizado, eu quero ajudar", afirmou. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos